Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

13

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

13

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 62 Número 4




Voltar ao sumário

 

Comunicação

Estudo das doenças sexulamente transmissíveis em policiais militares no Espírito Santo Janeiro a dezembro de 1985

SEXUALLY TRANSMITTED DISEASES IN THE MILITARY POLICE - STATE OF ESPÍRITO SANTO, BRAZIL


JOSE LUIZ PIZZOL1

1Dermatologista da Polícia Militar do Espírito Santo

Correspondência:
José Luiz Pizzol Av. N.S. dos Navegantes 3380/701 29055 - Vitória - ES

 

Resumo

Neste trabalho o autor estuda a ocorrência das doenças sexualmente transmissíveis (DST) numa classe específica de pacientes: os policiais militares. Entre os 1745 pacientes atendidos em 1985 no Ambulatório de Dermatologia do Hospital da Polícia Militar do Espírito Santo, em Vitória - ES, 178 foram diagnosticados como DST, significando 10,2% das consultas. Às uretrites não-gonocócicas coube a supremacia, com 34,83 % dos casos. Fazem-se comparações com outros levantamentos e comenta-se incidência de acordo com a idade, posto militar, estado civil, raça e nível de escolaridade.

Palavras-chave: DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS, DOENÇAS SEXUALMENTE ADQUIRIDAS, DOENÇAS VENÉREAS

© 2018 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações