Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

6

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

6

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 59 Número 3




Voltar ao sumário

 

Comunicação

Tratamento de lipoatrofias localizadas com insulina monocomponente

TREATMENT OF LOCALIZED LIPOATROPHIES BY MONO¬COMPONENT-INSULIN INJECTIONS


NEIDE KALIL-GASPAR 1, ANTONIO PEDRO GASPAR 2, AMARYLLIS FREIRE BRUNO MOREIRA 3, PAULO TRAVASSOS NETO4

1Professor Adjunto de Dermatologia da Universidade Federal Fluminense (UFF)
2Professor Assistente de Dermatologia da UFF
3Especializanda - Curso de Especialização em Dermatologia do Departamento de Medicina Clínica do Centro de Ciências Médicas da UFF
4Professor Assistente de Endocrinologia da UFF

Correspondência:
Neide Kalil-Gaspar Avenida Marquês de Paraná, 233 24030 - Niterói-RJ

 

Resumo

A lipoatrofia insulínica constitui uma complicação cosmética frequente da insulinoterapia. Surpreendentemente, a gordura subcutânea das áreas lipoatróficas regenera-se com injeções intra lesionais de insulina, principalmente do tipo monocomponente. O quadro, geralmente, regride após três a oito meses de terapia. A experiência clínica demonstra que a insulina monocomponente representa o recurso de eleição para o tratamento da lipoatrofia insulínica. O uso da técnica em não-diabéticos é relatado na literatura médica. O método foi experimentado em dois pacientes com lipoatrofias induzidas por insulina e corticosteróide, respectivamente. Injeções intralesionais de insulina monocomponente foram aplicadas, subcutaneamente, três vezes por dia, antes das refeições. Os resulta¬dos foram excelentes, com total remissão das lesões.

Palavras-chave: LIPOATROFIAS*, LIPOATROFIA INSULÍNICA*, INSULINA MONOCOMPONENTE

© 2018 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações