Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

7

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

7

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 78 Número 3




Voltar ao sumário

 

Investigação

Ocorrência de onicomicose em pacientes atendidos em consultórios dermatológicos da cidade do Rio de Janeiro, Brasil

Occurrence of onychomycosis among patients attended in dermatology offices in the city of Rio de Janeiro, Brazil


ADAUTO JOSÉ GONÇALVES DE ARAÚJO1, OTILIO MACHADO P. BASTOS2, MARIA AUXILIADORA JEUNON SOUZA3, JEFERSON CARVALHAES DE OLIVEIRA4

1Pesquisador titular do Departamento de Endemias Samuel Pessoa - ENSPE / FIOCRUZ; Doutor em Paleoparasitologia pela FIOCRUZ.
2Professor adjunto da Universidade Federal Fluminense; Doutor em Parasitologia pela FIOCRUZ.
3Professora da UERJ; Dermatologista; Chefe do setor de Dermatopatologia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.
4Doutor em Biologia Parasitaria pela FIOCRUZ; Professor adjunto da Universidade Federal Fluminense.

Recebido em 10.10.2001. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 25.11.2002. Trabalho realizado no Instituto Oswaldo Cruz.

Correspondência:
Jeferson Carvalhaes de Oliveira Rua Carvalho Alvim N. 201, ap. 101. Tijuca Rio de Janeiro RJ 20510-100 Tel/Fax: (21) 2569-9777 "E-mail":carvalhaes@openlink.com.br

 

Resumo

*Fundamentos:* A infecção por dermatófitos afeta aproximadamente 40% da população mundial, representa 30% de todas as infecções micóticas cutâneas, e a onicomicose por dermatófito é a mais freqüente, representando entre 18 e 40% de todas as onicopatias. A onicomicose é causada primariamente por dermatófitos, Candida spp. e outros fungos não dermatófitos. Entre os agentes fúngicos, os dermatófitos, particularmente Trichophyton rubrum, são os mais comuns desses patógenos. Atualmente, Candida spp. pode invadir a unha distal e proximal. As onicomicoses provocadas por fungos não dermatófitos vêm aumentando em sua prevalência, e, pela similaridade clínica com a onicomicose por dermatófito, é necessário o diagnóstico laboratorial para sua diferenciação. *Objetivos:* O objetivo do presente trabalho é avaliar a ocorrência de onicomicose na cidade do Rio de Janeiro. *Métodos:* Foram avaliados 2.920 pacientes entre janeiro de 1998 e dezembro de 1999, dos quais 1.416 apresentaram anormalidades nas unhas. *Resultados:* A confirmação micológica de onicomicose foi possível em 565 dos 2.920 pacientes, e a prevalência estimada pontual na cidade do Rio de Janeiro é 19,34%. Os homens foram responsáveis por 34,16% das onicomicoses, e as mulheres por 65,84%. A distribuição por agente etiológico dos 224 pacientes com onicomicose que apresentaram cultura positiva foi: dermatófitos 64,7%, Candida spp. 30,1% e outros não dermatófitos 5,2%. *Conclusão:* A microbiota fúngica é completamente trocada no mundo periodicamente em sua composição quantitativa e qualitativa, sendo afetada por vários fatores ambientais. Assim, o exame periódico da composição desta microbiota vem a ser vantajoso e de importância epidemiológica e terapêutica.

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações