Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 83 Número 6




Voltar ao sumário

 

Artigo Especial

Produção científica publicada nos Anais Brasileiros de Dermatologia (2003-2007) *

Scientific research published on the Anais Brasileiros de Dermatologia (2003-2007) *


Silvio Alencar Marques1, Hélio Amante Miot2, Luciana P. Fernandes Abbade2

1Professor livre-docente do Departamento de Dermatologia e Radioterapia da Faculdade de Medicina de Botucatu da Universidade Estadual Paulista (Unesp) Botucatu (SP), Brasil.
2Professor-assistente doutor do Departamento de Dermatologia e Radioterapia da Faculdade de Medicina de Botucatu da Universidade Estadual Paulista (Unesp) – Botucatu (SP), Brasil.

Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 26.11.2008. * Trabalho realizado no Departamento de Dermatologia e Radioterapia da Faculdade de Medicina de Botucatu da Universidade Estadual Paulista (Unesp) – Botucatu (SP), Brasil. Conflito de interesse / Conflict of interest: O autor sênior fez parte da editoria científica dos Anais Brasileiros de Dermatologia no período compreendido pelo estudo. Suporte financeiro: Nenhum / Financial funding: None Como citar este artigo: Marques SA, Miot HA, Abbade LPF. Produção científica publicada nos Anais Brasileiros de Dermatologia (2003-2007). An Bras Dermatol. 2008;83(6):555-60.

Correspondência:
Silvio Alencar Marques Departamento de Dermatologia e Radioterapia, Faculdade de Medicina de Botucatu. Distrito de Rubião Junior S/N 18618 000 Botucatu SP Tel./Fax: 14 38824922 E-mail: smarques@fmb.unesp.br

 

Resumo

FUNDAMENTOS – A produção científica da dermatologia brasileira, quantitativa e qualitativamente, é pouco conhecida e pouco estudada. OBJETIVO – Analisar características da produção científica da dermatologia brasileira segundo o publicado nos Anais Brasileiros de Dermatologia entre 2003 e 2007. MÉTODOS – Realizou-se estudo transversal através análise dos artigos publicados nas seções de “investigação clínica, epidemiológica, laboratorial e terapêutica”; “caso clínico” e “comunicação” dos Anais Brasileiros de Dermatologia entre 2003 e 2007. As variáveis de interesse foram: objeto temático, delineamento utilizado e grupo de enfermidades nas seções de investigação e caso clínico e o enfoque quanto à seção “comunicação”. RESULTADOS – Entre os artigos de investigação predominaram os trabalhos clínicos (60,3%); os com temática cirúrgica ou cosmiátrica somaram 13%. Delineamento descritivo/observacional prevaleceu (81,9%), sendo a “série de casos” o mais utilizado (50%). Predominaram enfermidades infecciosas (33,6%) entre os de investigação e inflamatórias (28,6%) entre os casos relatados. Relato de casos (54,3%) foi o principal enfoque dado às comunicações CONCLUSÃO – Predominou a tradição descritiva nos artigos publicados no período. Delineamentos mais elaborados e sofisticados foram incomuns. O método científico e a análise crítica da literatura devem fazer parte do currículo da pós-graduação em dermatologia, stricto e lato sensu.

Palavras-chave: DERMATOLOGIA, EPIDEMIOLOGIA, PESQUISA, PROJETOS DE PESQUISA, ARTIGO DE REVISTA

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações