Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 84 Número 2




Voltar ao sumário

 

Educação médica continuada

Dermatoses bolhosas auto-imunes*

Autoimmune bullous dermatoses


Paulo R. Cunha1, Silvia Regina C. S. Barraviera2

1Professor titular de dermatologia da Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ), doutor em dermatologia pela Universidade de São Paulo, professor livre-docente da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – São Paulo (SP), Brasil. Pós-doutoramento na New York University – New York (NY), Estados Unidos da América.
2Professora-assistente doutora do Departamento de Dermatologia e Radioterapia da Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB) – São Paulo (SP), Brasil.

Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 19.12.2008. * Trabalho realizado na Faculdade de Medicina de Jundiaí (SP) – Brasil. Conflito de interesse: Nenhum: Suporte financeiro: Nenhum: Como citar este artigo: Cunha PR, Barraviera SRCS. Dermatoses bolhosas autoimunes. An Bras Dermatol. 2009;84(2):111-24.

Correspondência:
Paulo R. Cunha Rua: Isaí Leiner, 152 – Jardim Brasil 13201 854 Jundiaí SP Tel./fax: (11) 4521-8459 E-mail: drpaulocunha@bol.com.br

 

Resumo

Dermatoses bolhosas autoimunes são doenças cuja manifestação cutânea primária e fundamental consiste em vesículas e bolhas. Classificam-se conforme a localização da bolha, em intraepidérmica e subepidérmica. Os pacientes produzem autoanticorpos contra estruturas específicas da pele detectáveis por técnicas de imunofluorescência, immunobloting e Elisa. Os recentes avanços da biologia molecular e celular têm permitido conhecer esses autoantígenos, contra os quais os pacientes se sensibilizam e que estão localizados na epiderme ou na junção dermoepidérmica. São doenças de baixa incidência, porém de elevada morbidade e por vezes letais. O objetivo deste trabalho é revisar e descrever os progressos nos conhecimentos de quatro doenças vésico-bolhosas autoimunes: pênfigo foliáceo endêmico (fogo selvagem), pênfigo vulgar, penfigóide bolhoso e dermatite herpetiforme.

Palavras-chave: ALERGIA E IMUNOLOGIA, DERMATITE HERPETIFORME, DERMATOPATIAS VESICULOBOLHOSAS, PENFIGO, PENFIGÓIDE BOLHOSO

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações