Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 84 Número 6




Voltar ao sumário

 

Investigação

Expressão de marcadores de proliferação celular e apoptose em carcinoma basocelular*

Markers expression of cell proliferation and apoptosis in basal cell carcinoma


Marília de Pádua Dornelas Corrêa1, Ana Paula Ferreira2, Ângela Maria Gollner3, Michele Fernandes Rodrigues4, Magno Cunha de Souza Guerra5

1Professora adjunta do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) – Juiz de Fora (MG), Brasil.
2Doutora em Imunologia pela Universidade de São Paulo (USP), Professora associada do Departamento de Parasitologia, Microbiologia e Imunologia da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) – Juiz de Fora (MG), Brasil.
3Doutora em Patologia pela Universidade Federal Fluminense (UFF) – Rio de Janeiro (RJ), Brasil, Professora adjunta do Departamento de Patologia da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) – Juiz de Fora (MG), Brasil.
4Mestranda do Curso de Pós-Graduação em Ciências da Saúde da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), na área de Imunologia – Juiz de Fora (MG), Brasil.
5Acadêmico do 6º ano do Curso de Medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) – Juiz de Fora (MG), Brasil.

Recebido em 10.06.2009. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 21.07.09.

Correspondência:
Marília de Pádua Dornelas Corrêa Rua Dom Viçoso, 20 Alto dos Passos 36026 390 Juiz de Fora – MG – Brasil Tel./Fax: 32 3239 8282 Email: thadeu55@terra.com.br

 

Resumo

FUNDAMENTOS: O carcinoma basocelular é o câncer mais comum em humanos. Estudos que utilizam recursos da biologia molecular e genética, associados à histomorfologia, permitem a identificação de fatores de risco no desenvolvimento de lesões mais recorrentes e agressivas. OBJETIVO: Correlacionar a expressão dos marcadores de apoptose (p53 e Bcl-2) e proliferação celular (Ki-67 e PCNA) com os indicadores histológicos de gravidade do tumor. MÉTODOS: Estudaram-se cinco amostras das formas nodular, morfeiforme e superficial, respectivamente, e um grupo-controle com três pacientes livres de lesão. Empregou-se o teste de Mann-Whitney na comparação da expressão desses marcadores com a forma de apresentação do carcinoma basocelular. RESULTADOS: Verificou-se que a marcação do Bcl-2 foi expressiva nos CBCs ditos agressivos (variantes morfeiforme e nodular). Dos tumores estudados, 66,7% (n = 10) indicaram fortemente o p53. Nossos resultados mostram maior expressão do Ki-67 no carcinoma basocelular nodular e superficial, sem expressão nos controles. O PCNA mostrou forte marcação em todos os tipos de tumores e nos controles. CONCLUSÃO: Os achados nos permitem concluir que o Bcl-2 e o p53 apresentam tendência para diagnosticar gravidade do carcinoma basocelular e o Ki-67, por seu comportamento variável, não pode ser considerado como marcador de gravidade, assim como o PCNA, que não foi um bom marcador de proliferação celular.

Palavras-chave: CARCINOMA BASOCELULAR, IMUNOISTOQUÍMICA, MARCADORES BIOLÓGICOS DE TUMOR, NEOPLASIAS CUTÂNEAS, PROTEÍNAS DE CICLO CELULAR

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações