Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

6

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

6

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 85 Número 1




Voltar ao sumário

 

Comunicação

Pitiríase versicolor: isolamento e identificação das principais espécies de Malassezia

Pityriasis versicolor: isolation and identification of the main species of Malassezia


Valéria Maria de Souza Framil1, Márcia S. C. Melhem2, Maria Walderez Szeszs3, Elaine Cristina Corneta4, Clarisse Zaitz5

1Médica segundo-assistente da clínica de dermatologia da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo – São Paulo (SP), Brasil.
2Pesquisadora científica nível IV do Instituto Adolfo Lutz – São Paulo (SP), Brasil.
3Pesquisadora científica do Instituto Adolfo Lutz – São Paulo (SP), Brasil.
4Aluna de mestrado em microbiologia/ICB-USP com bolsa de estudo da Capes – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – São Paulo (SP), Brasil.
5Professora adjunta da clínica de dermatologia da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo – São Paulo (SP), Brasil.

Recebido em 10.06.2008. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 27.11.09. * Trabalho realizado na clínica de dermatologia da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia Conflito de interesse: Nenhum / Conflict of interest: None Suporte financeiro: Nenhum / Financial funding: None Como citar este artigo/How to cite this article: Framil VMS, Melhem MSC, Szeszs MW, Corneta EC, Zaitz C. Pitiríase versicolor: isolamento e identificação das principais espécies de Malassezia. An Bras Dermatol. 2010;85(1):111-4.

Correspondência:
ENDEREÇO PARA CORRESPONDÊNCIA / MAILING ADDRESS: Valéria Maria de Souza Framil Rua Sete de Abril, 296, 1º andar / CJ: 11, 01044 000 República São Paulo, SP. Tel./Fax: 11 9966 1960 11 3257 8978. E-mail: souza.valeria@terra.com.br

 

Resumo

As espécies do gênero Malassezia isoladas foram: Malassezia sympodialis (16,66%), Malassezia furfur (12,50%), Malassezia globosa (11,45%) e Malassezia slooffiae (2,10%). A Malassezia sympodialis foi a espécie que predominou em nosso estudo. As espécies de Malassezia identificadas não mostraram correlação com as variantes clínicas e com a distribuição das lesões de pitiríase versicolor quanto às regiões do corpo.

Palavras-chave: ISOLAMENTO, LEVEDURAS, MALASSEZIA, PITIRÍASE

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações