Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 85 Número 4




Voltar ao sumário

 

Investigação

Influência de fatores climáticos no tratamento médico de doenças dermatológicas em um hospital em Lima, Peru

Influence of climatic factors on the medical attentions of dermatologic diseases in a hospital of Lima, Peru *


Ericson L. Gutierrez1, Carlos Galarza1, Willy Ramos1, Maybbe Mendoza1, María E. Smith2, Alex G. Ortega-Loayza3

Recebido em 01.02.2009. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 27.04.10. * Work conducted at the Institute of Clinical Investigation, National University of San Marcos (UNMSM) - Lima, Peru, and Department of Internal Medicine, Virginia Commonwealth University, Richmond, VA, USA. Conflict of interest: None / Conflito de interesse: Nenhum Financial funding: None / Suporte financeiro: Nenhum How to cite this article/Como citar este artigo: Gutierrez EL, Galarza C, Ramos W, Mendoza M, Smith ME, Ortega- Loayza AG. Influence of climatic factors on the medical attentions of dermatologic diseases in a hospital of Lima, Peru. An Bras Dermatol. 2010;85(4):461-8.

Correspondência:
MAILING ADDRESS / ENDEREÇO PARA CORRESPONDÊNCIA: Alex G. Ortega-Loayza, MD Department of Internal Medicine Virginia Commonwealth University PO Box 980509 Richmond, VA 23298-0509 Tel./Fax: 919 619 4096; 804 828 4926 E-Mail: aortegaloayza2@mcvh-vcu.edu

 

Resumo

FUNDAMENTO: Associações significativas entre fatores climáticos e saúde humana têm sido descritas, inclusive na área de Dermatologia. OBJETIVO: Determinar a influência de fatores climáticos no tratamento de doenças dermatológicas em um hospital em Lima (Peru). PACIENTES E MÉTODOS: Estudo observacional realizado em um hospital em Lima entre janeiro de 2004 e dezembro de 2007. Os diagnósticos foram classificados de acordo com o sistema ICD-10. Informações climáticas foram fornecidas pela “National Oceanographic and Atmospheric Administration” (NOAA - USA). RESULTADOS: 3.294 pacientes participaram do estudo. A idade media foi 35.4 ± 20.7 anos e 53,2% eram mulheres. O fenômeno “El Niño" foi associado a um aumento da prevalência de queratose actínica (p=0,002), verrugas virais (p=0,001) e rosácea (p=0,014). O fenômeno "La Niña" foi associado a diminuição das verrugas virais (p=0,026). A primavera foi associada a um aumento de dermatite (p=0,003) e o verão, a um aumento de tumores benignos (p=0,049). CONCLUSÃO: Variações climáticas influenciam o aparecimento de algumas doenças dermatológicas. O presente trabalho pode orientar especialistas e clínicos gerais por meio da identificação dos diagnósticos dermatológicos mais comuns e, consequentemente, prepará-los para tratar doenças sazonais.

Palavras-chave: EL NIÑO, EL NINÕ OSCILAÇÃO SUL, FENÔMENO LA NIÑA

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações