Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 85 Número 4




Voltar ao sumário

 

Qual é seu diagnóstico ?

Caso para diagnóstico

Case for diagnosis


Mônica Santos1, Carolina Talhari2, Lisiane Nogueira3, Renata Fernandes Rabelo4, Luiz Carlos de Lima Ferreira5, Sinésio Talhari6

1Doutora em doenças infecciosas e parasitárias; médica dermatologista da Fundação de Medicina Tropical do Amazonas; professora de dermatologia da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) - Manaus (AM), Brasil.
2Doutora em doenças infecciosas e parasitárias; professora de dermatologia da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) - Manaus (AM), Brasil.
3Médica residente de dermatologia da Fundação de Medicina Tropical do Amazonas - Manaus (AM), Brasil
4Médica residente de dermatologia da Fundação de Medicina Tropical do Amazonas - Manaus (AM), Brasil.
5Doutor em anatomia patológica; chefe do Departamento de Pesquisa da Fundação de Medicina Tropical do Amazonas - Manaus (AM), Brasil.
6Doutor em dermatologia; diretor presidente da Fundação de Medicina Tropical do Amazonas - Manaus (AM), Brasil.

Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 07.05.2010. * Trabalho realizado na Fundação de Medicina Tropical do Amazonas - Manaus (AM), Brasil. Suporte Financeiro: Nenhum / Conflict of interest: None Conflito de Interesses: Nenhum / Financial funding: None Como citar este artigo/How to cite this article: Santos M, Talhari C, Nogueira L, Rabelo RF, Ferreira LCL, Talhari S. Caso para diagnóstico. Herpes-vírus simples tipo 2. An Bras Dermatol. 2010;85(4): 564-6.

Correspondência:
ENDEREÇO PARA CORRESPONDÊNCIA / MAILING ADDRESS: Mônica Santos Av. Djalma Batista, 1.661, Shopping Millennium, Torre Médica, sala 610. 69050 010 Manaus - AM, Brasil

 

Resumo

Desde as primeiras descrições da aids, no início da década de 1980, a infecção herpética é vista como uma das doenças oportunistas mais prevalentes em pacientes com retrovirose. A infecção pelo herpes-vírus simples tipo 2, agente etiológico de 60 a 90% dos casos de herpes genital, é bastante comum em pacientes com aids. O acometimento mucocutâneo pelo herpes-vírus simples tipo 2 pode ser grave e prolongado (persistente por mais de um mês), sendo caracterizado como doença definidora de aids.

Palavras-chave: HERPES SIMPLES, INFECÇÕES POR HERPESVIRIDAE, SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações