Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

9

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

9

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 86 Número 1




Voltar ao sumário

 

Comunicação

O uso da medicina alternativa ou complementar em crianças com dermatite atópica *

The use of alternative or complementary medicine for children with atopic dermatitis


Nelson dos Reis Aguiar Júnior *1, Izelda Maria Carvalho Costa2

1Mestre em ciências da saúde; doutorando em farmácia - USP/ Ribeirão Preto – SP, Brasil. (* In memorian)
2Doutora. Professora Adjunta de dermatologia da Universidade de Brasília. Coordenadora do ambulatório de dermatopediatria do HUB/UnB – Brasília (DF), Brasil.

Recebido em 14.01.2010. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 23.01.10. * Trabalho realizado no ambulatório de dermatopediatria do Hospital Universitário de Brasília. Universidade de Brasília. Brasília - DF, Brasil. Conflito de interesse: Nenhum Suporte financeiro: Nenhum

Correspondência:
Izelda Maria Carvalho Costa SHIS QI 17 conjunto 08 casa 02 71645 080 Lago Sul Brasília-DF Tel.: 61 3346 1614 e-mail: izelda@unb.br

 

Resumo

Medicina alternativa ou complementar é definida como forma de terapia que não possui bases científicas ou eficácia comprovadas. O objetivo deste estudo foi investigar a prevalência do uso dessas terapias por pacientes pediátricos com dermatite atópica no Hospital Universitário de Brasília, no período de março de 2007 a dezembro de 2008. Um total de 54 pacientes (63,5%) utilizou algum tipo de recurso alternativo, fitoterapia e homeopatia foram os recursos alternativos mais utilizados.

Palavras-chave: DERMATITE ATÓPICA, PRURIDO, TERAPIAS COMPLEMENTARES

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações