Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 86 Número 2




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Rabdomiossarcoma alveolar cutâneo primário em paciente pediátrico *

Primary cutaneous alveolar rhabdomyosarcoma in a pediatric patient *


Livia Lima de Lima1, Carlos Alberto Chirano Rodrigues2, Priscilla Maria Rodrigues Pereira3, Antônio Pedro Mendes Schettini4, Walquíria Lima Tupinambá1

1Residente de dermatologia pela Fundação de Dermatologia Tropical e Venereologia Alfredo da Matta – Manaus (AM), Brasil.
2Médico especialista em dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD); dermatologista e preceptor da residência médica em dermatologia da Fundação de Dermatologia Tropical e Venereologia Alfredo da Matta – Manaus (AM), Brasil.
3Residente de dermatologia pelo Hospital Universitário Getúlio Vargas – Manaus (AM), Brasil.
4Mestre em patologia tropical pela Universidade Federal do Amazonas; dermatologista e preceptor da residência médica em dermatologia da Fundação de Dermatologia Tropical e Venereologia Alfredo da Matta – Manaus (AM), Brasil.

Recebido em 17.11.2009. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 06.05.2010. * Trabalho realizado na Fundação de Dermatologia Tropical e Venereologia Alfredo da Matta – Manaus (AM). Conflito de interesse: Nenhum / Conflict of interest: None Suporte financeiro: Nenhum / Financial funding: None

Correspondência:
Livia Lima de Lima Rua A29, Conjunto Ajuricaba, 293, Planalto 69046-310 Manaus, AM, Brasil Tel.: 92 9985-5252 E-mail: lilima_nb@hotmail.com

 

Resumo

O rabdomiossarcoma é o tumor de partes moles mais comum na infância, sendo raro o acometimento exclusivamente cutâneo. Apresenta-se caso de criança com nódulo doloroso na face, cuja análise histopatológica e imunoistoquímica confirmou tratar-se de rabdomiossarcoma, o qual foi conduzido por equipe multidisciplinar. Os tumores de partes moles são responsáveis por 6% de todos os tumores infantis; destes, 53% são rabdomiossarcomas, que podem acometer qualquer sítio. A manifestação como nódulo dérmico é incomum, representando um desafio diagnóstico, já que não possui características clínicas que o diferenciem de outras patologias.

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações