Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

9

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

9

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 86 Número 5




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Esporotricose na gestação: relato de cinco casos numa epidemia zoonótica no Rio de Janeiro, Brasil

Sporotrichosis in pregnancy: case reports of 5 patients in a zoonotic epidemic in Rio de Janeiro, Brazil


Rosane Orofino Costa1, Andrea Reis Bernardes-Engemann2, Luna Azulay-Abulafia1, Fabiana Benvenuto3, Maria de Lourdes Palermo Neves4, Leila Maria Lopes-Bezerra1

1Doutora; professora adjunta da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) – Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
2Doutora; professora visitante da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) – Rio de Janeiro (RJ), Brasil
3Bióloga da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) – Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
4Mestranda da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) – Rio de Janeiro (RJ), Brasil.

Recebido em 03.03.2010. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 21.06.2010. * Trabalho realizado no Serviço de Dermatologia do Hospital Universitário Pedro Ernesto – Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Hupe-Uerj) e no Laboratório de Micologia Celular e Proteômica do Departamento de Biologia Celular e Genética do Instituto de Biologia Roberto Alcântara Gomes (Ibrag-Uerj) – Rio de Janeiro (RJ), Brasil. Conflito de interesse: Nenhum Suporte financeiro: Ministério da Saúde/Faperj Como citar este artigo: Orofino-Costa R, Bernardes-Engemann AR, Azulay-Abulafia L, Benvenuto F, Neves MLP, Lopes-Bezerra LM. Esporotricose na gestação: relato de cinco casos numa epidemia zoonótica no Rio de Janeiro. An Bras Dermatol. 2011;86(5):995-8.

Correspondência:
Rosane Orofino Av. 28 de Setembro, 87, 2º andar - Vila Isabel 20551-030 Rio de Janeiro, RJ. E-mail: micologia@uerj.br

 

Resumo

Os autores apresentam cinco casos de esporotricose em gestantes numa epidemia zoonótica no Rio de Janeiro. São discutidos principalmente os aspectos clínicos e as dificuldades na escolha terapêutica desse grupo específico de pacientes.

Palavras-chave: ANFOTERICINA B, ESPOROTRICOSE, GESTANTES, RESULTADO DE TRATAMENTO, TERAPÊUTICA

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações