Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

6

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

6

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 87 Número 1




Voltar ao sumário

 

Investigação

Avaliação da qualidade de vida de pacientes em surto reacional de hanseníase tratados em centro de referência

Assessment of quality of life of patients with leprosy reactional states treated in a dermatology reference center


Marina Dias Costa1, Fábio de Souza Terra2, Rosane Dias Costa1, Sandra Lyon3, Ana Maria Duarte Dias Costa4, Carlos Maurício de Figueiredo Antunes5

1Mestre em Clínica Médica; médica dermatologista e professora no Centro de Medicina Especializada, Pesquisa e Ensino (Cemepemg) – Belo Horizonte (MG), Brasil.
2Doutor em Ciências; professor no curso de Enfermagem da Universidade Federal de Alfenas (Unifal) – Alfenas (MG), Brasil.
3Doutora em Dermatologia; médica dermatologista, professora e coordenadora da residência médica em Dermatologia do Hospital Eduardo de Menezes – Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig) – Belo Horizonte (MG), Brasil.
4Doutora em Farmacologia; professora titular no curso de Medicina e Odontologia da Universidade José do Rosário Vellano (Unifenas) – Alfenas (MG), Brasil.
5Doutor em Epidemiologia; professor titular do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) – Belo Horizonte (MG), Brasil.

Recebido em 05.03.2010. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 27.02.11. * Trabalho realizado no ambulatório de dermatologia do Hospital Eduardo de Menezes – Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig) – Belo Horizonte (MG), Brasil. Conflito de interesse: Nenhum Suporte financeiro: Nenhum Como citar este artigo/How to cite this article: Costa MD, Terra FS, Costa RD, Lyon S, Dias-Costa AMD, Antunes CMF. Avaliação da qualidade de vida de pacientes em surto reacional de hanseníase tratados em centro de referência. An Bras Dermatol. 2012;87(1):26-35.

Correspondência:
Marina Dias Costa Rua Presidente Arthur Bernardes, 655 - Centro 37130-000 Alfenas, MG Tel.: (35) 3291-2375 E-mail: marinaderm@hotmail.com

 

Resumo

FUNDAMENTOS: As incapacidades e deformidades decorrentes dos surtos reacionais de hanseníase podem acarretar inúmeros problemas aos pacientes, interferindo na qualidade de vida.
OBJETIVOS: Avaliar a qualidade de vida de pacientes portadores de hanseníase em estado reacional identificados em centro de referência de Belo Horizonte, MG.
MÉTODOS: Trata-se de um estudo epidemiológico transversal, descritivo e analítico, envolvendo 120 pacientes em tratamento de surto reacional de hanseníase, no período de dezembro de 2007 a março de 2008, realizado no ambulatório de dermatologia do Hospital Eduardo de Menezes da Fhemig. Foram utilizados dois instrumentos referentes às variáveis sociodemográficas, econômicas e clínicas e o instrumento genérico WHOQOL-bref da OMS. Os dados foram tabulados no SPSS e analisados por meio do escore médio com aplicação de testes estatísticos (p < 0,05).
RESULTADOS: Constatou-se que a mediana da idade dos pacientes estudados foi de 48 anos, sendo a maioria deles do sexo masculino, casada, de cidades circunvizinhas a BH, com primeiro grau incompleto, aposentada ou gozando de licença saúde e com renda familiar de um a dois salários mínimos vigentes. A maioria deles relatou que a doença interferiu muito nas atividades profissionais e de lazer. Na avaliação da QV, o índice mais baixo foi observado no domínio físico e os mais altos foram observados nos domínios psicológico e das relações sociais. A consistência interna do WHOQOL-bref foi aceitável para as facetas e domínios.
CONCLUSÕES: A hanseníase causa sofrimento que ultrapassa a dor e o mal-estar estritamente vinculados ao prejuízo físico, com grande impacto social e psicológico.

Palavras-chave: HANSENÍASE, HANSENÍASE DIMORFA, HANSENÍASE VIRCHOWIANA, PERFIL DE IMPACTO DA DOENÇA, QUALIDADE DE VIDA

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações