Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 87 Número 1




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Psoríase cutânea e artropática grave em paciente com Aids: boa resposta terapêutica com uso de terapia com etanercepte*

Severe cutaneous and arthritic psoriasis in patient with Aids: a good outcome with therapy using etanercept


Mônica Santos1, Renata Rabelo2, Luciana Mendes2, Virginia Vilasboas2, Carolina Talhari3, Sinésio Talhari4

1Doutorado em Medicina Tropical. Médica Dermatologista da Fundação de Medicina Tropical do Amazonas; Professora de Dermatologia da Universidade do Estado do Amazonas e da Universidade Nilton Lins.
2Médica - Residente de dermatologia da Fundação de Medicina Tropical do Amazonas (FMTAM) – Manaus (AM), Brasil.
3Doutorado em Medicina Tropical. Professora de Dermatologia da Universidade do Estado do Amazonas e da Universidade Nilton Lins.
4Doutorado em Dermatologia - Professor de Dermatologia da Universidade Nilton Lins.

Recebido em 09.03.2011. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 01.05.2011. * Trabalho realizado na Fundação de Medicina Tropical do Amazonas (FMTAM) – Manaus (AM), Brasil. Conflito de interesse: Nenhum Suporte financeiro: Nenhum Como citar este artigo: Santos M, Rabelo R, Mendes L, Vilasboas V, Talhari C, Talhari S. Psoríase cutânea e artropática grave em paciente com Aids: boa resposta terapêutica com uso de terapia com etanercepte. An Bras Dermatol. 2012;87(1):135-8.

Correspondência:
Mônica Santos Avenida Pedro Teixeira, 25, Dom Pedro. CEP: 69040-000 Manaus-AM E-mail: m.n.souza.santos@gmail.com

 

Resumo

Relata-se o caso de um paciente com psoríase cutânea e artropática há oito anos, cujo agravamento súbito do quadro clínico levou ao diagnóstico da Aids, ressaltando a importância do especialista no diagnóstico de doenças sistêmicas. A intervenção terapêutica apropriada, incluindo a terapia antirretroviral e agente imunobiológico - etanercepte - possibilitou a rápida melhora do quadro clínico e da qualidade de vida do paciente, além de contribuir para o retardo na progressão da imunodeficiência.

Palavras-chave: ARTRITE PSORIÁSICA

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações