Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

30

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

30

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 87 Número 4




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Bolhas do coma pós-intoxicação por depressores do sistema nervoso central: relato de caso incluindo achados histopatológicos

Coma blisters after poisoning caused by central nervous system depressants: case report including histopathological findings*


Maira Migliari Branco1, Eduardo Mello De Capitani2, Maria Letícia Cintra3, Stephen Hyslop4, Adriana Camargo Carvalho5, Fabio Bucaretchi6

1Residência em Pediatria; médica do Centro de Controle de Intoxicações da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (FCMUnicamp) – Campinas (SP), Brasil.
2Doutorado; professor associado do Departamento de Clínica Médica e do Centro de Controle de Intoxicações da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (FCM-Unicamp) – Campinas (SP), Brasil.
3Doutorado; professora assistente doutora do Departamento de Anatomia Patológica da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (FCM-Unicamp) – Campinas (SP), Brasil.
4Doutorado; professor assistente doutor do Departamento de Farmacologia da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (FCMUnicamp) – Campinas (SP), Brasil.
5Mestrado; enfermeira do Laboratório de Habilidades da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (FCM-Unicamp) – Campinas (SP), Brasil.
6Doutorado; professor assistente doutor do Departamento de Pediatria e do Centro de Controle de Intoxicações da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (FCM-Unicamp) – Campinas (SP), Brasil.

Recebido em 11.04.2011. Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 01.06.2011. * Trabalho realizado no Centro de Controle de Intoxicações da Unicamp e pelos departamentos de Dermatologia e de Anatomia Patológica da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp – Campinas (SP), Brasil. Conflito de interesses: Nenhum / Conflict of interest: None Suporte financeiro: Nenhum / Financial funding: None

Correspondência:
Received on 11.04.2011. Approved by the Advisory Board and accepted for publication on 01.06.2011. * This study was carried out at the UNICAMP Poison Control Center and the Departments of Dermatology and Pathology, School of Medical Sciences, UNICAMP – Campinas (SP), Brazil. Conflict of interest: None Financial funding: Non

 

Resumo

Formação de bolhas e necrose de glândula sudoríparas écrinas é uma manifestação cutânea associada com estados de diminuição da consciência, mais frequentemente relatada após superdosagens de depressores do sistema nervoso central, particularmente fenobabital. Relatamos o caso de uma paciente de 45 anos que desenvolveu "bolhas do coma" após tentativa de suicídio por fenobarbital (confirmada laboratorialmente), associada a outros depressores do sistema nervoso central (clonazepam, prometazina, oxcarbazepina e quetiapina). Biópsia da bolha do 1o quirodáctilo esquerdo no 4o dia de internação revelou necrose focal da epiderme e necrose de células epiteliais de glândula sudorípara; a imunofluorescência direta foi fortemente positiva para IgG na parede superficial dos vasos sanguíneos, mas negativa para IgM, IgA, C3 e C1q. A paciente teve alta no 21o dia, sem seqüelas.

Palavras-chave: COMA, FENOBARBITAL, IMUNOFLUORESCÊNCIA, MICROSCOPIA DE FLUORESCÊNCIA, TOXICOLOGIA

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações