Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 88 Número 1




Voltar ao sumário

 

Qual é seu diagnóstico ?

Caso para diagnóstico

Case for diagnosis


José Cabeçadas2

2PhD - Hospital assistant - Anatomical Pathology Service, Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil – IPOLFG (Francisco Gentil Portuguese Institute of Oncology) – Lisbon, Portugal.

Received on 12.10.2011. Approved by the Advisory Board and accepted for publication on 09.01.2012. * Work conducted at Hospital Curry Cabral – Centro Hospitalar de Lisboa Central (CHLC) – Lisbon, Portugal. Conflict of interest: None Financial funding: None How to cite this article: Maio P, Fernandes C, Afonso A, Sachse F, Cabeçadas J, Cardoso J. Case for diagnosis. Blastic plasmacytoid dendritic cell neoplasm with primary cutaneous expression. An Bras Dermatol. 2012;88(1):131-3.

Correspondência:
Paula Maio Rua da Beneficência, 8. Lisboa, Portugal. 1069-166 E-mail address: paulamaio@gmail.com

 

Resumo

A leucemia de células dendríticas plasmocitóides blásticas é uma entidade de classificação recente. Descrevese o caso de um homem de 73 anos com dermatose envolvendo manchas, placas infiltradas e nódulos eritematosos na face anterior do tronco, no dorso e nos membros. A biopsia cutânea revelou presença de infiltração difusa por células linfóides de tamanho intermediário. A imunocitoquímica permitiu o diagnóstico de neoplasia de células dendríticas plasmocitóides blásticas. O estadiamento não revelou envolvimento sistêmico na época do diagnóstico. O doente iniciou a terapêutica com prednisolona e apresentou remissão inicial das lesões cutâneas. Posteriormente, observou-se progressão sistêmica da doença, e o doente veio a falecer.

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações