Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 88 Número 2




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Dermatoscopia do liquen aureus

Dermoscopy of lichen aureus*


Poliana Santin Portela1, Daniel Fernandes Melo2, Patricia Ormiga3, Felipe José da Cruz Oliveira1, Natália Carvalho de Freitas1, Cesar Souza Bastos Júnior4

Recebido em 28.02.2012. Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 09.04.2012. * Trabalho realizado no Hospital Naval Marcílio Dias (HNMD) – Rio de Janeiro (RJ), Brasil. Conflito Interesses: Nenhum Suporte Financeiro: Nenhum Como citar este artigo: Portela PS, Melo DF, Ormiga P, Oliveira FJC, Freitas NC, Bastos Jr CS. Dermatoscopia do líquen aureus. An Bras Dermatol. 2013;88(2):257-9.

Correspondência:
Poliana Santin Portela Rua Cezar Zama Nº 185 Lins de Vasconcelos 20725-090 Rio de Janeiro, RJ Brazil. E-mail: polidermato@hotmail.com

 

Resumo

O líquen aureus (também denominado “liquen purpuricus”) é um subtipo pouco comum entre as dermatoses purpúricas pigmentadas. Clinicamente caracterizado por máculas, pápulas ou placas de coloração ferruginosa, é doença crônica, que acomete mais frequentemente adultos jovens e localiza-se principalmente nos membros inferiores. O diagnóstico pode ser feito a partir das características clínicas e histopatológicas, sendo os achados dermatoscópicos úteis para corroborar o diagnóstico clínico.

Palavras-chave: DERMOSCOPIA, DIAGNÓSTICO CLÍNICO, ERUPÇÕES LIQUENÓIDES

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações