Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

7

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

7

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 88 Número 6 S1




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Doença de Crohn vulvoperineal responsiva ao metronidazol*

Vulvoperineal Crohn's disease responsive to metronidazol*


Aristóteles Rosmaninho1; Madalena Sanches2; Marta Salgado3; Rosário Alves1; Manuela Selores4

 

Resumo

A doença de Crohn é uma doença granulomatosa multissistêmica inflamatória crónica que afecta primariamente o tracto gastrointestinal. Na maioria dos casos, as manifestações cutâneas sucedem a doença intestinal, mas, ocasionalmente, as lesões dermatológicas são o primeiro evento e podem constituir o único sinal da doença. O envolvimento vulvoperineal é raro, pode preceder os sintomas intestinais em meses ou anos, e pode passar despercebido. Devido à escassez de relatos de doença de Crohn com esta localização e na ausência de ensaios clínicos randomizados, não há nenhum tratamento padrão para a doença cutânea. Descrevemos um caso de uma mulher de 47 anos com doença de Crohn vulvoperineal sem envolvimento digestivo, que foi tratada com sucesso com metronidazol.

Palavras-chave: Doença de Crohn; Metronidazol; Terapêutica

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações