Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 86 Número 3




Voltar ao sumário

 

Investigação

The use of oxybutynin for treating facial hyperhidrosis*

O uso da oxibutinina no tratamento da hiperidrose facial


Nelson Wolosker1; José Ribas Milanez de Campos2; Paulo Kauffman3; Marco Antonio Munia4 Samantha Neves5; Fábio Biscegli Jatene6; Pedro Puech-Leão7

 

Resumo

FUNDAMENTOS: Hiperidrose facial é uma doença que pode levar os pacientes a sérios distúrbios emocionais. A simpatectomia torácica vídeo-assistida proporciona excelente resolução da hiperidrose facial, mas está associada a algumas complicações, sendo a mais freqüente e mais importante a hiperidrose compensatória. Especialmente em pacientes submetidos à ressecção do segundo gânglio torácico, o risco de hiperidrose compensatória grave é maior, o que pode causar insatisfação com o procedimento.
OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia e a satisfação dos pacientes com o uso da oxibutinina em doses baixas para tratar a hiperidrose facial em uma série grande de pacientes.
MÉTODOS: 25 pacientes com hiperidrose facial foram tratados com oxibutinina. Os pacientes foram submetidos a duas avaliações: antes e depois do tratamento. Estas foram usadas para avaliar a melhoria clínica e a qualidade de vida.
RESULTADOS: Observou-se que mais de 75% dos pacientes evoluíram com melhora na hiperidrose facial, sendo que 52% deles apresentaram uma grande melhora.
CONCLUSÃO: O tratamento da hiperidrose facial com oxibutinina é uma boa alternativa à simpatectomia, visto que apresenta bons resultados e melhora a qualidade de vida, e os pacientes não correm o risco dos efeitos colaterais da simpatectomia.

Palavras-chave: Hiperidrose; Indicadores de qualidade de vida; Protocolos clínicos; Simpatectomia; Sudorese; Tratamento avançado

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações