Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

10

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

10

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 89 Número 1




Voltar ao sumário

 

Imagens em Dermatologia

Nevo displásico associado a queratose seborreica*

Dysplastic nevus associated with seborrheic keratosis*


Luciane Francisca Fernandes Botelho1; Nilceo Schwery Michalany2; Milvia Maria Simões e Silva Enokihara3; Sergio Henrique Hirata4

1. Mestranda do Departamento de Dermatologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) - São Paulo (SP), Brasil
2. Mestre em Anatomia Patológica Geral - Professor-associado do Departamento de Patologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) - São Paulo (SP), Brasil
3. Doutora em Patologia pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) - Dermatopatologista dos Departamentos de Dermatologia e Patologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) - São Paulo (SP), Brasil
4. Doutorado em Dermatologia pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) - Professor-adjunto do Departamento de Dermatologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) - São Paulo (SP), Brasil

Recebido em 22.10.2012.
Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 28.12.2012.
Suporte Financeiro: Nenhum
Conflito Interesses: Nenhum
Como citar este artigo: Botelho LFF, Michalany NS, Enokihara MMSS, Hirata SH. Nevo displásico associado a queratose seborreica. An Bras Dermatol. 2014;89(1):164-6.

Correspondência:

Luciane Francisca Fernandes Botelho
Rua Borges Lagoa, 508 Vila Clementino
04038-001 - São Paulo - SP Brasil
Email: lucianebotelho@hotmail.com

 

Resumo

A queratose seborreica é uma lesão cutânea frequente e acredita-se que nevos melanocíticos possam, coincidentemente, associar-se a essas lesões. Os autores descrevem um caso de nevo displásico associado à queratose seborreica e abordam os aspectos clínicos, dermatoscópicos e histológicos dessa associação. Também se discute a associação de queratose seborreica com outros tumores benignos e malignos.

Palavras-chave: Ceratose seborréica; Dermoscopia; Melanoma; Nevo; Nevos e melanomas

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações