Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

2

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

2

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 89 Número 5




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Sarcoma sinovial pouco diferenciado em punho - Relato de caso*

Poorly differentiated synovial sarcoma in the wrist - Case report*


Daniela Cristina Caetano Maia1; Carla Kellen da Silva Menezes2; Thales Costa Bastos1; Luiz Carlos de Lima Ferreira2; Fabio Francesconi1,2

1. Fundação de Medicina Tropical Doutor Heitor Vieira Dourado (FMTAM) - Manaus (AM), Brasil
2. Universidade Federal do Amazonas (UFAM) - Manaus (AM), Brasil

Recebido em 29.07.2013.
Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 30.09.2013.
Suporte Financeiro: Nenhum
Conflito de Interesses: Nenhum
Como citar este artigo: Maia DCC, Menezes CKS, Bastos TC, Ferreira LCL, Francesconi do Valle F. Sarcoma sinovial pouco diferenciado em punho - Relato de caso. An Bras Dermatol. 2014;89(5):816-8.

Correspondência:

Daniela Cristina Caetano Maia
Avenida Pedro Teixeira, 25 Bairro Dom Pedro
69040-000 - Manaus - AM Brasil
E-mail: danielaccmaia@yahoo.com.br

 

Resumo

Sarcomas sinoviais são tumores malignos raros, que acometem principalmente adultos jovens, apresentando-se como uma massa de crescimento lento, situada em tecidos moles profundos de extremidades, próximos à articulação. Neste relato, um paciente do sexo masculino, 34 anos, apresentava lesão ulcerovegetante, séssil, no punho da mão direita, sendo submetido à exérese completa da lesão com histopatológico e imuno-histoquímica confirmatórios de sarcomas sinoviais de células pouco diferenciadas. Este paciente evoluiu, após onze meses, para metástase linfonodal axilar ipsilateral, ressaltando a evolução desfavorável desta variante de sarcomas sinoviais. O padrão de crescimento indolente deste sarcoma justifica a evolução de estádios iniciais bem circunscritos que, gradativamente, infiltram estruturas adjacentes para metástases pulmonares (80%) e acometimento linfonodal (20%) e corrobora a importância do estadiamento e da terapêutica direcionada precoces.

Palavras-chave: Neoplasias de tecidos moles; Patologia; Sarcoma sinovial

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações