Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 75 Número 3




Voltar ao sumário

 

Investigação

Hanseníase multibacilar: índices baciloscópicos e viabilidade do M. leprae após 24 doses da PQT/OMS

Multibacillar leprosy: bacilloscopic index and viability of M. leprae after 24 doses of multidrug therapy/World Health Organization (MDT/WHO)


MARIA EUGENIA NOVISKI GALLO1, JOSÉ AUGUSTO DA COSTA NERY2, EDSON CLÁUDIO A. ALBUQUERQUE3, MARISA SIGNORELLI3, VALCEMIR F. SILVA FILHO4

1Pesquisador Titular.
2Pesquisador Adjunto.
3Tecnologista.
4Técnico em Pesquisa.

Recebido em 14.5.1999. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 01.02.2000. Trabalho realizado no Laboratório de Hanseníase, Instituto Oswaldo Cruz - Fiocruz.

Correspondência:
Maria Eugenia Noviski Gallo Laboratório de Hanseníase - Fiocruz Av. Brasil, 4.365 Rio de Janeiro RJ 21045-900 Tel / Fax: (21) 270-9997 "E-mail":meng@ioc.fiocruz.br

 

Resumo

*Fundamentos:* A técnica de inoculação no coxim plantar de camundongos (técnica de Shepard) possibilita a verificação da resistência aos quimioterápicos e a viabilidade do Mycobacterium leprae. *Objetivos:* Avaliar por meio da técnica de Shepard a viabilidade do M. leprae em material de biópsia cutânea proveniente de pacientes hansenianos multibacilares. *Pacientes e Métodos:* Biópsias cutâneas e esfregaços de linfas cutâneas em 21 pacientes hansenianos multibacilares após 24 doses do esquema poliquimioterápico (PQT/OMS). *Resultados:* A comparação dos resultados dos índices baciloscópico e morfológico entre as duas amostras demonstrou valores significativamente maiores nos índices baciloscópicos das biópsias cutâneas. *Conclusões:* A concentração do M.leprae 12 meses após a inoculação mostrou valores inferiores ao referido como padrão de multiplicação, sugerindo que a população bacilar nas biópsias cutâneas de pacientes hansenianos multibacilares após 24 doses da PQT/OMS pode ser considerada não viável.

Palavras-chave: QUIMIOTERAPIA., HANSENÍASE, MYCOBACTERIUM LEPRAE

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações