Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

30

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

30

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 90 Número 5




Voltar ao sumário

 

Imagens em Dermatologia Tropical

Hanseníase histoide: caso exuberante e raro*

Histoid leprosy: a rare exuberant case*


Pedro Jose Secchin de Andrade1; Sulamita dos Santos Nascimento Dutra Messias2; Paola Cristina Brandão Oliveira Ferreira2; Anna Maria Sales1; Alice de Miranda Machado1; José Augusto da Costa Nery1

1. Oswaldo Cruz Foundation (Fiocruz) - Rio de Janeiro (RJ), Brasil
2. Estácio de Sá University - Rio de Janeiro (RJ), Brasil

Recebido em 17.09.2014
Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 12.01.2015
Suporte Financeiro: Nenhum
Conflito de Interesses: Nenhum
Como citar este artigo: Andrade PJS, Messias SSND, Ferreira PCBO, Sales AM, Machado AM, Nery JAC.
Hanseníase histoide: caso exuberante e raro. An Bras Dermatol. 2015;90(5):754-5.

Correspondência:

Pedro Jose Secchin de Andrade
Laboratório de Hanseníase Instituto Oswaldo Cruz Fundação Oswaldo Cruz
Av. Brasil 4365 - Manguinhos
21040-360 - Rio de Janeiro - RJ Brasil
E-mail: p_secchin@hotmail.com

 

Resumo

A hanseníase é uma doença negligenciada, de modo que é necessário reconhecer as apresentações clínicas não usuais para diagnóstico precoce, tratamento adequado e interrupção da cadeia de transmissão. Os autores relatam um tipo raro da hanseníase multibacilar, a forma histoide, com apresentação de imagens de numerosos nódulos e pápulas endurecidos e bem delimitados, difusos por todo o tegumento corporal.

Palavras-chave: Diagnóstico diferencial; Doenças negligenciadas; Hanseníase; Hanseníase Multibacilar; Mycobacterium leprae

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações