Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 91 Número 4




Voltar ao sumário

 

Relato de Caso

Lúpus eritematoso cutâneo linear seguindo as linhas de Blaschko - Relato de caso*

Linear cutaneous lupus erythematosus following the lines of Blaschko - Case report*


Ayana Karla de Oliveira Ferreira Marinho1,2; Ticiana Batista Ramos3; Deborah Maria de Castro Barbosa4; Valter Kozmhinsky4; Daniela Mayumi Takano4; Marcella Maria de Souza Araújo Figueira4

1. Grupo Universitário Maurício de Nassau (Uninassau) – Recife (PE), Brasil
2. Real Hospital Português de Beneficência de Pernambuco – Recife (PE), Brasil
3. Escola Multicampi de Ciências Médicas (UFRN) – Caicó (RN), Brasil
4. Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip) – Recife (PE), Brasil

Recebido em 26.06.2014
Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 15.12.2014
Suporte financeiro: nenhum.
Conflito de interesses: nenhum.
Como citar este artigo: Marinho AKOF, Ramos TB, Barbosa DMC, Kozmhinsky V, Takano DM, Figueira MMSA. Lúpus eritematoso cutâneo linear seguindo as linhas de Blaschko - Relato de caso. An Bras Dermatol. 2016;91(4):510-3.

Correspondência:

Ayana Karla de Oliveira Ferreira Marinho
Rua dos Coelhos, 300 Boa Vista
50070-550 - Recife - PE Brasil
E-mail: ayanakarla@hotmail.com

 

Resumo

O lúpus eritematoso cutâneo crônico em configuração linear é raro, especialmente em crianças, demonstrando incidência similar entre os sexos, ausência de fotossensibilidade e menor probabilidade de evolução para doença sistêmica. Descreve-se o caso de uma paciente de nove anos que apresentava lesões papulares e eritematosas com atrofia central nos membros superior e inferior direitos, assintomáticas e seguindo as linhas de Blaschko, desde os quatro anos de idade. O exame histológico mostrou atrofia da epiderme, com agressão da interface dermoepidérmica e infiltrado inflamatório linfocitário perianexial e perivascular. Os exames laboratoriais evidenciaram FAN em título de 1:320, com padrão pontilhado, fino e denso. Em virtude da raridade dessa apresentação e dessa localização da doença, realiza-se o relato deste caso.

Palavras-chave: Lúpus eritematoso cutâneo; Lúpus eritematoso discoide; Lúpus eritematoso sistêmico; Mosaicismo

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações