Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

33

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

33

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 92 Número 3




Voltar ao sumário

 

Comunicação

Incidência de dermatoses diagnosticadas em instituição pública: comparação entre 2003 e 2014*

Incidence of skin diseases diagnosed in a public institution: comparison between 2003 and 2014*


Livia Maria Zanardi Miguel; Marilia Formentini Scotton Jorge; Bruna Rocha; Hélio Amante Miot

Departamento de Dermatologia da Faculdade de Medicina de Botucatu - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (FMB-Unesp) – Botucatu (SP), Brasil

Recebido em 14.03.2016
Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 12.05.2016
Suporte financeiro: Nenhum
Conflito de interesse: Nenhum
Como citar este artigo: Miguel LMZ, Jorge MFS, Rocha B, Miot HA. Incidência de dermatoses diagnosticadas em instituição pública: comparação entre 2003 e 2014. An Bras Dermatol. 2017;92(3):433-5.

Correspondência:

Hélio Amante Miot
Departamento de Dermatologia e Radioterapia
Faculdade de Medicina de Botucatu - Unesp
Campus Universitário de Rubião Jr.
18618-000 - Botucatu - SP - Brazil
E-mail: heliomiot@fmb.unesp.br

 

Resumo

A epidemiologia das doenças é sujeita a circunstâncias sociodemográficas de uma população. Consequentemente, pode modificar-se em função do tempo. Não há estudos que explorem a transição epidemiológica em Dermatologia. Este trabalho investigou a incidência de dermatoses em pacientes novos atendidos em serviço público do interior do Brasil nos anos de 2003 e 2014. Houve aumento expressivo na incidência de doenças sexualmente transmissíveis, hanseníase, melasma, prurido e hidradenite supurativa. Porém, constatou-se notável redução do agendamento de consultas para cirurgias de processos benignos, farmacodermias, urticária e micoses superficiais. A identificação de tendências epidemiológicas orienta o dimensionamento do sistema de saúde e a qualificação profissional.

Palavras-chave: Dermatologia; Diagnóstico; Epidemiologia; Incidência; Transição demográfica; Transição epidemiológica

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações