Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 92 Número 5




Voltar ao sumário

 

Investigação

Ação fotodinâmica do laser vermelho sobre o Propionibacterium acnes*

Photodynamic action of the red laser on Propionibacterium acnes*


Rogério Rodrigo Ramos1; Jeferson Leandro de Paiva2; José Paulo Franco dos Santos Gomes1; Nagib Pezati Boer1; José Maria Pereira de Godoy3; Fernando Batigalia3

1. Departamento de Anatomia Humana da Universidade Brasil – Fernandópolis (SP), Brasil
2. Laboratório de Análises Clínicas. Fundação Educacional de Fernandópolis (FEF-SP) – Fernandópolis (SP), Brasil
3. Hospital de Base de São José do Rio Preto da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP-SP) – São José do Rio Preto (SP), Brasil

Recebido em 02.02.2016
Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 06.07.2016
Suporte Financeiro: Nenhum
Conflito de Interesses: Nenhum
Como citar este artigo: Ramos RR, Paiva JL, Gomes JPFS, Boer NP, Godoy JMP, Batigalia F. Ação fotodinâmica do laser vermelho sobre o Propionibacterium acnes. An Bras Dermatol. 2017;92(5):622-5.

Correspondência:

Rogério Rodrigo Ramos
Estrada Projetada F1, s/n
Campus Fernandópolis
15600-000 - Fernandópolis - SP Brasil
E-mail: rogerio.ramos@universidadebrasil.edu.br

 

Resumo

FUNDAMENTO: A terapia fotodinâmica é uma modalidade terapêutica consolidada que tem sua atividade na foto-oxidação de matéria biológica, decorrente da atividade de espécies reativas de oxigênio.
OBJETIVO: Avaliar a ação do Laser vermelho 660nm com o fotossensibilizador azul de metileno sobre Propionibacterium acnes in vitro.
MÉTODO: O delineamento experimental foi distribuído em quatro grupos (1-controle sem aplicação de luz e sem fotossensibilizador, 2-aplicação de luz, 3-azul de metileno sem luz, e 4-azul de metileno com luz). Os ensaios foram submetidos à irradiação com Laser vermelho 660nm por quatro ciclos de cinco minutos, com intervalos de três minutos.
RESULTADOS: Foi evidenciado o destaque do quarto ciclo (20 minutos) dos grupos 2, 3 e 4.
LIMITAÇÕES DO ESTUDO: Apesar dos resultados favoráveis, o tempo de irradiação do Laser associado ao fotossensibilizador azul de metileno não foi suficiente para inibir totalmente a proliferação da bactéria.
CONCLUSÃO: Sugere-se a realização de outros estudos in vitro no sentido de viabilizar a aplicação clínica desse fotossensibilizador em terapia fotodinâmica.

Palavras-chave: Azul de metileno; Propionibacterium acnes; Terapia a laser

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações