Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 92 Número 5




Voltar ao sumário

 

Dermatopatologia

Doença de Bowen pigmentada associada ao HPV de alto grau simulando melanoma na mão*

Pigmented Bowen's disease associated with high-risk HPV simulating melanoma of the hand*


Rute Facchini Lellis1; John Verrinder Veasey2; Renata Diniz Jacques Gonçalves3

1. Laboratório de Patologia da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo – São Paulo (SP), Brasil
2. Clínica de Dermatologia da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo – São Paulo (SP), Brasil
3. Clínica privada – Piracicaba-SP, Brasil

Recebido em 31.07.2016
Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 23.11.2016
Suporte Financeiro: Nenhum
Conflito de Interesses: Nenhum
Como citar este artigo: Lellis RF, Veasey JV, Gonçalves RDJ. Doença de Bowen pigmentada associada ao HPV de alto grau simulando melanoma na mão. An Bras Dermatol. 2017;92(5):688-90.

Correspondência:

John Verrinder Veasey
Rua Dr. Cesário Mota Jr., 112
Vila Buarque 01221-020 São Paulo, SP – Brasil
E-mail: johnveasey@uol.com.br

 

Resumo

A doença de Bowen na pele é um carcinoma espinocelular “in situ” em que apenas 2% dos casos são pigmentados. É caracterizada clinicamente por pápulas e placas escurecidas de superfície anfractuosa, podendo ser causada tanto por dano solar, geralmente em áreas fotoexpostas de idosos, quanto pela infecção pelo papilomavírus humano, geralmente em região anogenital de adultos jovens. Há cerca de uma década, têm sido discutidos os aspectos dermatoscópicos da doença de Bowen, porém sem critérios definitivos que levassem ao diagnóstico de certeza. Apresentamos um caso de doença de Bowen pigmentada, em paciente oriental de 57 anos, localizada em dedo da mão simulando clinicamente e dermatoscopicamente um melanoma, que, ao exame histopatológico, diagnosticou-se doença de Bowen pigmentada. A doença de Bowen pigmentada deve ser considerada como diagnóstico diferencial de melanoma visto que critérios clínicos e dermatoscópicos não podem garantir o diagnóstico da doença, e o exame histopatológico se mantém como padrão ouro para o diagnóstico.

Palavras-chave: Carcinoma in situ; Dermoscopia; Doença de Bowen; Exame físico; Histologia; Melanoma; Papillomavirus Humano 16; Papillomavirus Humano 18

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações