Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

2

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

2

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 93 Número 2




Voltar ao sumário

 

Investigação

Eficácia do retratamento de pacientes com hanseníase multibacilar nos episódios de eritema nodoso hansênico e/ou neurites persistentes: experiência de um serviço*

Effectiveness of the retreatment of patients with multibacillary leprosy and episodes of erythema nodosum leprosum and/or persistent neuritis: a single-center experience*


Joel Carlos Lastória1; Thaís Sampaio Corrêa de Almeida2; Maria Stella de Mello Ayres Putinatti1; Carlos Roberto Padovani3

1. Departamento de Dermatologia e Radioterapia, Faculdade de Medicina de Botucatu - Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP) – Botucatu (SP), Brasil
2. Curso de Graduação em Medicina da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP) – Botucatu (SP), Brasil
3. Departamento de Bioestatística, Instituto de Biociências de Botucatu - Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP) – Botucatu (SP), Brasil

Trabalho submetido em 02.12.2015
Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 30.01.2017
Suporte Financeiro: Nenhum
Conflito de Interesses: Nenhum
Como citar este artigo: Lastória JC, Almeida TSC, Putinatti MSMA, Padovani CR. Effectiveness of the retreatment of patients with multibacillary leprosy and episodes of erythema nodosum leprosum and/or persistent neuritis: a single-center experience. An Bras Dermatol. 2018;93(2):181-4.

Correspondência:

Joel Carlos Lastória
E-mail: lastoria@fmb.unesp.br

 

Resumo

FUNDAMENTO: O eritema nodoso hansênico pode aparecer antes, durante ou após o tratamento da hanseníase e representa uns dos principais fatores de dano neural para os pacientes. Quando ocorre ou continua se manifestando após o tratamento, pode significar recidiva da doença, e novo tratamento pode ser realizado.
OBJETIVO: Avaliar o retratamento de pacientes com hanseníase multibacilar tratados com poliquimioterapia em período habitual, porém desenvolveram ou continuaram apresentando a reação do eritema nodoso hansênico e/ou neurites depois de três a cinco anos do término do tratamento.
MÉTODO: Com esse objetivo, um novo tratamento foi instituído em 29 pacientes de hanseníase multibacilar que mantinham ocorrência de episódios de eritema nodoso hansênico e/ou neurites três a cinco anos após o tratamento convencional.
RESULTADO: Observou-se, no geral, que 27 (93,10%) não mais apresentaram novos episódios após um período de acompanhamento de oito meses a cinco anos. Em cinco desses pacientes, o motivo do retratamento foi a ocorrência de neurite de difícil controle, observando-se que essa deixou de ocorrer em todos eles.
LIMITAÇÃO DO ESTUDO: 29 pacientes.
CONCLUSÃO: Nos casos observados, o retratamento foi medida eficaz contra a ocorrência de eritema nodoso hansênico e/ou neurites persistentes.

Palavras-chave: Eritema nodoso; Hanseníase; Neurite; Retratamento

© 2019 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações