Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

25

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

25

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 93 Número 4




Voltar ao sumário

 

Investigação

Sarcoma de Kaposi em pessoas vivendo com HIV/Aids: série de casos em serviço de referência terciária*

Kaposi’s sarcoma in persons living with HIV/AIDS: a case series in a tertiary referral hospital*


Carla Andréa Avelar Pires1,2; Marcos Antonio Neves Noronha3; Julius Caesar Mendes Soares Monteiro4; Albert Luiz Costa da Costa5; José Maria de Castro Abreu Júnior6

1. Departamento de Habilidades Médicas, Universidade Federal do Pará, Belém (PA), Brasil.
2. Departamento de Dermatologia, Universidade do Estado do Pará, Belém (PA), Brasil
3. Acadêmico de Medicina, Universidade Federal do Pará, Belém (PA), Brasil
4. Departamento de Clínica Médica, Hospital Universitário João de Barros Barreto, Universidade Federal do Pará, Belém (PA), Brasil
5. Departamento de Medicina de Família e Comunidade, Centro Universitário do Pará, Belém (PA), Brasil
6. Departamento de Patologia, Hospital Universitário João de Barros Barreto, Universidade Federal do Pará, Belém (PA), Brasil

Recebido 08 Fevereiro 2017.
Aceito 08 Junho 2017.
Suporte Financeiro: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES.
Conflito de Interesses: Nenhum.
Como citar este artigo: Pires CAA, Noronha MAN, Monteiro JCMS, Costa ALC, Abreu Júnior JMC. Kaposi’s sarcoma in persons living with HIV/AIDS: a case series in a tertiary referral hospital. An Bras Dermatol. 2018;93(4):524-8

Correspondência:

Carla Andréa Avelar Pires
E-mail: carlaavelarpires@gmail.com

 

Resumo

FUNDAMENTOS: O sarcoma de Kaposi é uma neoplasia rara, com progressão indolente. Desde 1981, o sarcoma de Kaposi epidêmico, envolvido com a coinfecção do vírus HIV, tem apresentado crescimento.
OBJETIVOS: Identificar as características epidemiológicas e clínicas em pacientes com HIV/Aids, internados em um hospital de referência regional.
MÉTODOS: Foram analisados 51 prontuários de pacientes, com confirmação histopatológica de sarcoma de Kaposi, que foram admitidos no Hospital Universitário João de Barros Barreto (HUJBB) de 2004 a 2015.
RESULTADOS: A população estudada foi composta por adultos de 15 a 44 anos (80,4%), homens (80,4%), solteiros (86,3%) e residentes na Região Metropolitana de Belém (45%). As lesões elementares identificadas no momento do diagnóstico foram, na maioria, de máculas (45%) e pápulas (25%) violáceas. Houve envolvimento visceral na maioria dos casos (62,7%), acometendo mais o estômago (75%). O esquema de TARVc mais utilizado foi estruturado com 2 ITRN+ITRNN, e 60,8% foram encaminhados à quimioterapia.
LIMITAÇÕES DO ESTUDO: Presume-se que mais pacientes tenham sido hospitalizados com sarcoma de Kaposi, apesar de não terem a confirmação histopatológica ou por terem um laudo histopatológico externo ao do serviço do HUJBB. Esta pesquisa teve como limitação uma possível subestimação do número de casos de sarcoma de Kaposi no período.
CONCLUSÃO: Apesar de o acometimento cutâneo ter se manifestado na maioria dos pacientes por lesões elementares não exuberantes, como máculas e pápulas, muitos destes pacientes já apresentavam envolvimento visceral, o que ressalta a necessidade de um rastreamento minucioso dos pacientes mesmo que a lesão cutânea seja discreta ou localizada.

Palavras-chave: Herpesvirus Humano 8; HIV; Sarcoma de Kaposi; Síndrome de imunodeficiência adquirida

© 2019 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações