Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

5

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

5

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 93 Número 6




Voltar ao sumário

 

Investigação

Avaliação da ocorrência de disfunção sexual e da qualidade de vida nas mulheres com psoríase*

Evaluation of the occurrence of sexual dysfunction and general quality of life in female patients with psoriasis*


Patricia Shu Kurizky1,2; Gladys Aires Martins3; Jamille Nascimento Carneiro4; Ciro Martins Gomes5; Licia Maria Henrique da Mota6,7

1. Serviço de Dermatologia, Hospital das Forças Armadas, Brasília (DF), Brasil
2. Serviço de Dermatologia, Hospital Universitário de Brasília, Universidade de Brasília, Brasília (DF), Brasil
3. Ambulatório de Psoríase, Hospital Universitário de Brasília, Universidade de Brasília, Brasília (DF), Brasil
4. Serviço de Reumatologia, Hospital de Base do Distrito Federal, Brasília (DF), Brasil
5. Disciplina de Dermatologia, Universidade de Brasília, Brasília (DF), Brasil
6. Ambulatório de Artrite Reumatoide Inicial, Hospital Universitário de Brasília, Universidade de Brasília, Brasília (DF), Brasil
7. Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas, Universidade de Brasília, Brasília (DF), Brasil

Recebido 21 Agosto 2013.
Aceito 13 Outubro 2017.

Suporte financeiro: Nenhum
Conflito de interesse: Nenhum
Como citar este artigo: Kurizky PS, Martins GA, Carneiro JN, Gomes CM, Mota LMH. Evaluation of the occurrence of sexual dysfunction and general quality of life in female patients with psoriasis. An Bras Dermatol. 2018;93(6):801-6.

Correspondência:

Patricia Shu Kurizky
E-mail: patyshu79@gmail.com

 

Resumo

FUNDAMENTOS: A psoríase apresenta significativo impacto na qualidade de vida. A vida sexual é outro aspecto que pode ser afetado, podendo a disfunção sexual acometer 25-70% dos pacientes.
OBJETIVOS: Determinar a ocorrência de disfunção sexual e avaliar a qualidade de vida nas mulheres com psoríase.
MÉTODOS: Realizou-se estudo do tipo caso-controle com mulheres entre 18-69 anos a partir da aplicação dos questionários validados em Português: Índice de Função Sexual Feminina e Medical Outcome Study 36-item Short Form Health Survey (SF-36), a fim de se estimarem a função sexual feminina e a qualidade de vida, respectivamente. As pacientes com diagnóstico de psoríase também foram avaliadas clinicamente, registrando-se a localização das lesões, o grau de extensão da doença e a presença ou ausência de comorbidades, em especial a artrite psoriásica ou outros quadros reumatológicos.
RESULTADOS: Foram avaliadas 150 mulheres, 75 com diagnóstico de psoríase e 75 no grupo controle saudável. A prevalência de disfunção sexual nas pacientes com psoríase foi elevada (58,6% da amostra), mostrando-se estatisticamente superior ao grupo controle saudável (p=0,014). Os domínios do SF-36 também foram inferiores no grupo das pacientes, sendo os principais campos afetados a limitação física, a limitação emocional e a saúde mental.
LIMITAÇÕES DO ESTUDO: O cálculo amostral deste estudo teve como objetivo avaliar a ocorrência de disfunção sexual nas pacientes com psoríase, mas não abrangeu a determinação das possíveis causas dessa disfunção.
CONCLUSÕES: A qualidade de vida e a função sexual estão alteradas nas mulheres com psoríase e devem ser levadas em consideração na avaliação da gravidade da doença.

Palavras-chave: Artrite psoriásica; Disfunção sexual fisiológica; Psoríase; Qualidade de vida

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações