Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

28

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

28

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 95 Número 1




Voltar ao sumário

 

Relato de Caso

Nevos de Spitz eruptivos disseminados - Relato de caso*

Eruptive disseminated Spitz nevi - case report*


Pablo Vargas1; Rodrigo Cárdenas2; Roberto Cullen1; Andrés Figueroa3

1. Departamento de Dermatologia, Faculdade de Medicina, Universidade do Chile, Santiago, Chile
2. Clínica Alemana de Valdivia, Valdivia, Chile
3. Serviço de Dermatologia, Hospital Clínico da Universidade do Chile, Universidade do Chile, Santiago, Chile

Recebido em 26 de junho de 2018
Aceito em 14 de janeiro de 2019
Disponível na Internet em 17 de fevereiro de 2020
Como citar este artigo: Vargas P, Cárdenas R, Cullen R, Figueroa A. Eruptive disseminated Spitz nevi - Case report. An Bras Dermatol. 2020;95:71-4.

Correspondência:

P. Vargas
E-mail: pablovargas.med@gmail.com

 

Resumo

O nevo de Spitz é lesão melanocítica benigna que se apresenta de várias maneiras: solitária, agminada ou disseminada. A variante disseminada é incomum; pode ter uma evolução rápida (a forma eruptiva) e seu manejo pode ser difícil. Este relato apresenta o caso de um paciente de 24 anos com múltiplas pápulas nos membros, que apareceram quatro anos antes. Ao exame físico, foram observadas 120 pápulas rosadas e cor da pele, observadas por dermatoscopia como lesões vascularizadas rosadas e homogêneas. O estudo histopatológico revelou células epitelioides dispostas em grupos ou isoladamente na derme e na junção dermoepidérmica. Células foram positivas para HMB-45 na derme superficial e Ki-67 <1%. Diante desses achados, foi feito o diagnóstico de nevos de Spitz disseminados, forma eruptiva.

Palavras-chave: Imuno-histoquímica; Nevo de células epitelioides e fusiformes;

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações