Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 76 Número 4




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Carcinoma Basocelular Metastático: Relato de Caso

Metastatic Basal Cell Carcinoma: A Case Report


JOSÉ ROBERTO LOZANO LARA1, ROBERTO ELIAS VILLELA MIGUEL1, LUIZ PAULO KOWALSKI1, LUCIANO BOTTURA2

1Departamento de Cirurgia de Cabeça e Pescoço e Otorrinolaringologia do Centro de Tratamento e Pesquisa Hospital do Câncer A.C. Camargo – Fundação Antonio Prudente.
2Departamento de Anatomia Patológica do Centro de Tratamento e Pesquisa Hospital do Câncer A.C. Camargo – Fundação Antonio Prudente.

Recebido em 05.08.1999. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 24.04.2001. * Trabalho realizado no Departamento de Cirurgia de Cabeça e Pescoço e Otorrinolaringologia do Centro de Tratamento e Pesquisa Hospital do Câncer A.C. Camargo - Fundação Antonio Prudente.

Correspondência:
Luiz Paulo Kowalski Departamento de Cirurgia de Cabeça e Pescoço e Otorrinolaringologia do Centro de Tratamento e Pesquisa Hopital do Câncer da A. C. Camargo - Fundação Rua Professor Antônio Prudente, 211 São Paulo SP 01509-900 "E-mail":lp_kowalski@uol.com

 

Resumo

O carcinoma basocelular metastático é raro, sua incidência varia de 0,0028 a 0,5%. Os fatores de risco para metástases são: a) reoperações prévias; b) radioterapia prévia; c) diâmetro da lesão maior do que 5cm; d) tempo de evolução maior do que cinco anos; e) tipo histológico metatípico ou esclerosante; f) grau acentuado de angiogênese. O prognóstico desses pacientes mostra-se reservado, principalmente quando a metástase ocorre a distância. Os autores descrevem um caso de carcinoma basocelular metastático que ilustra os fatores de risco acima descritos. Paciente de 46 anos, da raça branca, com tempo de evolução longo, várias intervenções cirúrgicas prévias, lesão extensa e submetido a radioterapia. Portanto, todo paciente com carcinoma basocelular deve ser avaliado quanto aos fatores de risco e ser seguido atentamente após o tratamento cirúrgico da lesão primária com radicalidade oncológica.

Palavras-chave: CARCINOMA BASOCELULAR, METÁSTASES

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações