Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 77 Número 2




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Linfoma Cutâneo de Células B - Relato de Caso

Cutaneous B-Cell Lymphoma - A Case Report


PATRÍCIA ÁVILA FERREIRA FABRINI DE ARAÚJO1, SORAYA NEVES MARQUES BARBOSA DOS SANTOS2, DANIELA SAVI3

1Médica Dermatologista
2Mestre em dermatologia - UFMG, 1991 e Doutora em Dermatologia - UFRJ, 1996
3Patologista do Hospital Semper

Recebido em25.11.1999. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 24.04.2001. * Trabalho realizado no Serviço de Anatomia Patológica e Serviço de Dermatopediatria, Hospital de Clínicas de Curitiba - PR.

Correspondência:
Dra. Patrícia Ávila F. F. de Araújo Rua Domingos Ferreira, 319/ 709 Santa Efigênia 30150-240 - Belo Horizaonte / MG "E-mail":patriciaavila@uol.com.br

 

Resumo

A maioria dos linfomas vistos por dermatologistas representa clones malignos de células T e é designada linfomas cutâneos de células T (LCCT). Proliferação clonal de células B podem envolver linfomas cutâneos de células B, os quais se formam na pele e ocorrem menos freqüentemente do que os LCCT. Sabe-se que os linfomas cutâneos de células B acometem preferencialmente mulheres. O objetivo do presente trabalho é relatar um caso de LCCB ocorrendo em um paciente do sexo masculino e discutir a classificação dos LCCB e seus diagnósticos diferenciais.

Palavras-chave: DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL., LINFOMA CUTÂNEO DE CÉLULAS B, CLASSIFICAÇÃO

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações