Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

9

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

9

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 77 Número 3




Voltar ao sumário

 

Investigação

Estudo aberto, não comparativo para avaliação da eficácia e tolerabilidade de adesivos de ácido salicílico a 40% no tratamento de verrugas virais

Evaluation of the efficacy and tolerability of 40% salicylic acid adhesive patches in the treatment of viral warts: a non-comparative and open-study


LORIVALDO MINELLI1, SARITA MARTINS2, NADIA CRISITINA MIGUEL DE MARQUE3, GUSTAVO HELBER BARBALHO BARRETO4, LUCIANA ROCHA COUTO4

1Professor Associado – Doutor de Dermatologia do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Estadual de Londrina
2Professora Adjunta da Clínica Dermatológica da Universidade Federal de Pernambuco
3Médica Dermatologista Ex-estagiária da Sociedade Humanitas de São Jerônimo da Serra - Paraná
4Médico residente da Clínica Dermatológica da UFPE

Recebido em 26.01.1999. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 21.08.1999. * Trabalho realizado no Serviço Dermatologia do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Estadual de Londrina e na Clínica Dermatológica da Universidade Federal de Pernambuco

Correspondência:
Dr. Lorivaldo Minelli R. Souza Naves, 1082 Londrina PR 86010-170 Telefone: (0**43) 322 1297 Fax: (0**43) 323 9497

 

Resumo

Fundamentos - Verrugas são dermatoses infectocontagiosas causadas por vírus denominados genericamente HPV. Mais freqüentes em crianças e adolescentes, são usualmente tratadas por meio de pequenos procedimentos, como cauterização química, eletrocoagulação e crioterapia (nitrogênio líquido), ou pelo uso tópico de substâncias queratolíticas, como o ácido salicílico. Objejtivo - O objetivo do estudo foi avaliar a eficácia e a tolerabilidade de adesivos contendo 40% de ácido salicílico no tratamento de verrugas. Método - Foram avaliados 83 pacientes entre 6 e 62 anos, de ambos os sexos, que tivessem, no máximo, seis verrugas plantares e/ou vulgares nas mãos, em superfície com menos do que 3cm2. O tratamento teve duração de 12 semanas, nas quais os pacientes retornavam para consulta na segunda, quarta, oitava e décima segunda semanas e na décima sexta semana, após quatro semanas sem utilizar nenhum tratamento, a fim de verificar a cicatrização e a recidiva. Resultado- Sessenta ej dois pacientes completaram o tratamento e três (4,6%) o abandonaram devido à ineficácia da medicação. No fim do estudo, 36 (55,4%) pacientes obtiveram cura (não havendo recidiva), e 26 (40,0%) apresentaram melhora da verruga. Não houve relato de eventos adversos sérios e foram observados 12 eventos adversos não sérios relacionados à medicação, que foi bem tolerada pela maioria dos pacientes. Conclusões - O uso de adesivos de ácido salicílico é eficaz e seguro no tratamento de verrugas plantares e vulgares, sendo em alguns casos necessário prolongar o tratamento além de 12 semanas.

Palavras-chave: VERRUGAS, ÁCIDO SALICÍLICO.

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações