Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

10

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

10

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 82 Número 4




Voltar ao sumário

 

Qual é seu diagnóstico ?

Caso para Diagnóstico

Case for Diagnosis


SUSANA GIRALDI1, BETINA WERNER2

1Mestre em Pediatria e médica do Ambulatório de Dermatopediatria, Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná (UFPR) – Curitiba (PR), Brasil.
2Dermatopatologista e doutoranda da Universidade Federal do Paraná (UFPR) – Curitiba (PR), Brasil.

Recebido em 04.07.2006. Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 20.10.2006. *Trabalho realizado em clínica privada e no laboratório de Anatomia Patológica Diagnose – Curitiba (PR), Brasil. Conflito de interesse : Nenhum Suporte financeiro: Nenhum Como citar este artigo: Giraldi S, Werner B. Caso para diagnóstico. Pili migrans. An Bras Dermatol. 2007;82(4):366-8

Correspondência:
Susana Giraldi Rua Vicente Machado, 2505, apto, C5 Batel 80440-020 - Curitiba - PR Tels.:(41) 3342-0285 / (41) 9994-2606 "E-mail":sgiraldi@ufpr.br

 

Resumo

O pili migrans cutâneo consiste na presença de haste de pêlo, localizado na camada superficial do estrato córneo, que se desloca com a movimentação do pé. Descreve-se o caso de uma criança com pêlo humano incrustado na região plantar direita.

Palavras-chave: CABELO, CRIANÇA, PELE

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações