Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

32

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

32

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 52 Número 4




Voltar ao sumário

 

Artigos originais

Contribuição ao Estudo da Anetodermia


CARLOS MARCELO MARTINS FERREIRA1, GERSON COTTA PEREIRA2, ANTONIO DE SOUZA MARQUES3

1Mestre em Dermatologia, pela Faculdade de Medicina da UFRJ.
2Professor Adjunto de Histologia e Embriologia do Instituto de Ciências da U.F.R.J.; Chefe do Departamento de Biologia Celular e Tecidual e Titular de Histologia e Embriologia do Instituto de Biologia da em Dermatologia, Professor Adjunto da Faculdade de Medicina da U.F.RJ.
3Professor Titular Interino de Dermatologia da Faculdade de Medicina da U. F. R. J.

Trabalho executado na Clínica Dermatológica da Faculdade de Medicina da U.F.R.J. e no Laboratório de Histologia e Embriologia do Instituto de Biologia da U.E.R.J.

Correspondência:
C. M. Martins Ferreira Rua Marquesa de Santos, 32 c/XII Catete - Rio de Janeiro - RJ.

 

Resumo

Os autores estudam biópsias cutâneas de sete pacientes portadores de Anetodermia utilizando colorações específicas para fibras oxitalânicas, elaunínicas e elásticas. Em quatro casos houve comprometimento dos três tipos de fibras, sendo que um destes apresentou apenas discretas alterações nas fibras oxitalânicas e elaunínicas, com acometimento mais acentuado das fibras elásticas. Nos demais casos, as alterações se restringiram às fibras elásticas, encontrando-se normais os componentes menos diferenciados do sistema. Discute-se a existência de um processo degenerativo do sistema elástico, que partindo das fibras elásticas, termina por comprometer as fibras oxitalânicas e elaunínicas.

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações