Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 70 Número 3




Voltar ao sumário

 

Investigação

Micose superficial da região podal em indivíduos considerados imunocomprometidos

Feet superficial mycosis in cases considered immunocompromised


MARIA MAGALI STELATO ROCHA SOARES1, ARLETE EMILY CURY2, ANGÉLICA ZANINELLI SCHREIBER3

1Professor Adjunto. Curso de Ciências Farmacêuticas: Instituto de Ciências Biológicas. Pontifícia Universidade Católica de Campinas.
2Professor Associado. Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Universidade de São Paulo.
3Professor Colaborador, Faculdade de Ciências Médicas, Unicamp.

_Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 10.4.95._ *Parte de tese de Mestrado realizada na Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Universidade de São Paulo - USP.

Correspondência:
Maria Magali Stelato Rocha Santos Rua Rodrigues Alves, 611/73 Campinas SP 13020-400

 

Resumo

Fundamentos -Micoses superficiais das regiões podais representam as formas mais comuns de doenças fúngicas entre indivíduos sadios. Riscos de aquisição de infecções disseminadas graves, por indivíduos imunodeprimidos, são discutidos, carecendo, no entanto, a literatura, de relatos associados à ocorrência de micoses podais nesse grupo de pacientes. Objetivo- Estudo da ocorrência dessas micoses superficiais em transplantados renais, considerando grupo controle e diversos fatores predisponentes à aquisição de micoses superficiais. Pacientes e Métodos - Por meio de procedimentos clássicos, foram realizados exames ideológicos em 155 indivíduos sadios e 83 imunodeprimidos, a partir de amostras de pele e unha. Resultados - Com base em análises estatísticas, verificou-se probabilidade de ocorrência de fungos em indivíduos com lesões podais maior para os imunocomprometidos. Pata eles, o hábito de uso constante de calçado fechado foi mais significativo na aquisição de micose. Outros hábitos usualmente considerados fatores de risco mostraram correlação para indivíduos sadios. De modo geral, Trichophyton rubrum foi o fungo isolado de maior freqüência; Epider-mophyton floccosum, diversas espécies de Candida e Trichosporon beigelli foram isolados sobretudo a partir dos imunocomprometidos. Conclusão - A presença de lesão e o uso freqüente de calçados fechados mostraram se fatores importantes para aquisição de micoses podais; principalmente por T. rubrum, entre os transplantados renais.

Palavras-chave: DERMATÓFITOS, DERMATOMYCOSES, DERMATOPHYTES, LEVEDURAS

© 2018 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações