Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

2

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

2

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 54 Número 3




Voltar ao sumário

 

Artigos originais

Gravidez em doentes com pênfigo foliáceo sulamericano (fogo selvagem)


NELSON GUIMARÃES PROENÇA1, Y. M. PROENÇA2, M. GUEDES3

1Professor Titular da Disciplina de Dermatologia
2Médica Obstetra
3Professor Assistente do Departamento de Medicina

*Trabalho realizado na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e no Hospital Ademar de Barros (ex-serviço do Pênfigo Foliáceo).*

Correspondência:
Nelson G. Proença Rua Dr.Cézar 62, cj. 23 0213- São Paulo - SP

 

Resumo

Entre 1966 e 1971 foram observadas 18 gestações ocorridas em 9 mulheres com pênfigo foliáceo sul-americano (fogo selvagem) . Por diversas razões, nenhuma delas foi tratada com corticosteróides. A observação destas doentes permitiu tirar três conclusões: a) Durante o curso da gravidez o quadro cutâneo apareceu ou sofreu agravamento, em 6 doentes; b) Não houve maior número de abortos, de partos prematuros ou de perinatimortalidade, em relação ao grupo controle; c) Os recém-nascidos apresentaram peso médio mais baixo do que o grupo controle (2,875 contra 3,103 quilos), mas esta diferença não é significativa.

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações