Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

2

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

2

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 55 Número 3




Voltar ao sumário

 

Temas de atualização

Tinea nigra plantaris

Tinea nigra plantaris


ROBERTO DÓGLIA AZAMBUJA1, NELSON GUIMARÃES PROENÇA2, THAIS HELENA PROENÇA DE FREITAS3, VERA LÚCIA FERREIRA AMORIM4

1Dermatologista do Hospital Presidente Médici (Brasília, DF)
2Professor Titular de Dermatologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo
3Residente de Dermatologia do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo
4Micologista do Hospital de Base do Distrito Federal

*Trabalho apresentado no XXXV Congresso Brasileiro de Dermatologia, Poços de Caldas, 1979.*

Correspondência:
Roberto Azambuja Caixa Postal 07-0056 70000 - Brasília - DF

 

Resumo

SÃO RELATADOS DOIS CASOS DE TINEA NIGRA PLANTARIS, CUJA CONTAMINAÇÃO SE DEU EM PRAIAS DO LITORAL BRASILEIRO. O AGENTE DA TINEA NIGRA, CLASSIFICADO ORIGINALMENTE COMO CLADOSPORIUM, É ATUALMENTE LOCALIZADO NO GÊNERO EXOPHIALLA, EM VIRTUDE DO TIPO DE BROTAMENTO DOS CONÍDIOS. ASSUME IMPORTÂNCIA O DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL COM O MELANOMA DA EXTREMIDADE INFERIOR.

Palavras-chave: MICOSES CUTÂNEAS, TINEAS NIGRA

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações