Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 81 Número 2




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Líquen aureus "algesiogênico"

"Algesiogenic" Lichen aureus


ROBERTO RHEINGANTZ DA CUNHA FILHO1, JOEL SCHWARTZ2, JORGE ZANOL3

1Mestre em Saúde e Comportamento - Universidade Católica de Pelotas - UCPel - Pelotas (RS), Médico Dermatologista (SC), Brasil.
2Professor Adjunto da Faculdade de Medicina da Universidade do Rio Grande do Sul - UFRGS - Porto Alegre (RS), Brasil.
3Dermatopatologista do Serviço de Dermatologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS - do Complexo Hospitalar da Santa Casa de Porto Alegre - Porto Alegre (RS), Brasil.

Recebido em 24.07.2003. Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 01.11.2004. Trabalho realizado no Serviço de Dermatologia da Universidade do Rio Grande do Sul do Complexo Hospitalar da Santa Casa de Porto Alegre - Porto Alegre (RS), Brasil. Conflito de interesse declarado: Nenhum _Como citar este artigo:_ Cunha Filho RR, Schwartz J, Zanol J. Líquen aureus “algesiogênico”. An Bras Dermatol. 2006;81(2):163-5.

Correspondência:
Dr Roberto Rheingantz da Cunha Filho Rua Roberto Tromposky, 194 - Centro 89600-000 - Joaçaba - SC Tel.: (49) 3522-1269 "E-mail":mailto:robertodermatologista@yahoo.com.br

 

Resumo

Descreve-se caso de líquen _aureus_ em paciente do sexo feminino, com 23 anos de idade que apresentava há dois anos lesão dolorosa, purpúrica, acastanhada tendendo por semelhante a cor de ferrugem e de aspecto liquenóide no antebraço. O exame anatomopatológico revelou denso infiltrado linfo-histiocitário na derme superior papilar, com extravasamento de hemácias. O líquen _aureus_ é relativamente raro, sendo ainda mais raro o sintoma de dor.

Palavras-chave: DOR, ERUPÇÕES LIQUENÓIDES, PURPURA

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações