Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

23

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

23

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 41 Número 4




Voltar ao sumário

 

Artigos originais

Considerações sobre a incidência de micose e lepra no mesmo doente


JOEL TEIXEIRA COELHO1

1Médico da Clínica Dermatológica da Faculdade de Medicina da UMG.

 

Resumo

O autor inicia o seu trabalho tecendo considerações em torno de casos de lepra e de micoses, cujos aspectos clínicos podem conduzir diante de um exame dermatológico mais superficial, a erros de diagnóstico. Passa em seguida a enumerar alguns casos de sua casuística, nos quais os pacientes apresentam uma associação de lepra e afecção micótica. As duas primeiras observações se referem a doentes com esporotricose e lepra, sendo que um deles, atingido também por um surto reacionário nodular, lembra os característicos do quadro clínico encontrado na esporotricose. A terceira observação relata o caso de um paciente com cromomicose que tendo contraído uma infecção leprótica, acarretou modificações no aspecto mórbido, principalmente, no que se refere aos exames anatomo-patológicos. O autor faz ainda alguns comentários sôbre a dermatite verrucosa, síndrome que tem sido objeto de várias pesquisas quando observado em casos de lepra, e que tem sido considerado por vários pesquisadores como resultante da ação direta da própria infecção leprótica. Após tecer alguns comentários sôbre o assunto, com apresentação de casos, o autor julga que, pelo menos nas suas observações, a dermatite verrucosa leprótica, pode ser constatada, porém, opina que semelhante ocorrência só se origina quando constatada em terreno onde se aloja o Bacilo de Hansen e sem que a lepra exerça ação preponderante sôbre a formação dos períodos iniciais do quadro estrutural da dermatite verrucosa observada em hansenianos.

© 2019 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações