Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

1

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

1

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 46 Número 2




Voltar ao sumário

 

Artigos originais

Microscopia eletrônica ‘scanning’: epiderme e unha


WILSON MARQUES DE ABREU1

1Doutor em Medicina . Professor de Histologia e Embiologia F.C.M., da U.E.G.

Observações realizadas na COPPE - UFRJ. Dep. M. T. Coord. W. Mannheim e U. G. Cabral.

Correspondência:
Wilson Marques de Abreu Rua Marquês de São Vicente, 182 Gávea - GB.

 

Resumo

Microscópio eletrônico <>, S E M , é utilizado para estudo de estruturas humanas queratinizadas, epiderme e unha. A epiderme é observada em seu Stratum corneum, comparada, com a unha em sua placa ungueal extermidade livre. Verificar-se a existência de microlâminas, correspondentes à membrana, celular dos queratinócitos da epiderme, que foram comparadas com microlâminas homólogas dos queratinócitos ungueais. Observou-se que as microlâminas ungueais são maiores e mais aderentes que as microlâminas do extrato córneo da epiderme. Microlâminas ungueais apresentam padrão estrutural fibrilar, reticulado, correlacionado com a estrutura da queratina dura.

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações