Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

1

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso tenha esquecido sua senha, solicite-nos.

Login como assinante

1

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 48 Número 2




Voltar ao sumário

 

Artigos originais

Contribuição ao estudo de males perfurantes plantares bilaterais na infância em um caso suspeito de hanseníase


JOEL TEIXEIRA COELHO1

1Da Clínica Dermatológica da UFMG.

Resumo publicado no Boletim do IX Congresso Internacional de Lepra (Londres), com autorização para publicação do texto completo em revista especializada.

Correspondência:
Joel Teixeira Coelho Rua Sergipe, 12, apart. 801 Belo Horizonte - Minas Gerais

 

Resumo

É apresentado um caso de espinha bífida e malformações medulares, no qual foi constatada a presença de males perfurantes plantares bilaterais, aspecto ainda não citado na literatura compulsada sobre o assunto. Em prosseguimento, faz referências sobre a presença no mesmo paciente, nos joelhos, cotovelos e áreas circunvizinhas, de manchas pardacentas e hiperceratósicas, cujo exame anátomo-patológico revelou tratarse de nevo epidérmico ou nevo duro de Unna. Posto que semelhante fato possa ser considerado como simples intercorrência, admite o autor, citando vários observadores que tiveram a sua atenção voltada para o assunto, que os distúrbios hiperceratósicos, apresentados pelo doente, mantém possíveis relações com as malformações vertebrais e medulares, enumeradas na observação em apreço. Comenta em seguida o diagnóstico diferencial entre o caso apresentado e a hanseníase, citando a respeito a opinião de alguns autores, e termina considerando de real importância a realização de vários exames complementares, e, principalmente, do exame radiológico da coluna vertebral que, em última análise, dirime todas as dúvidas existentes. O trabalho é documentado com fotografias, microfotografias e slides, mostrando aspectos e sintomas da referida observação.

© 2020 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações