Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 74 Número 3




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Histiocitose de células de Langerhans - O papel do sistema imunológico na sua etiopatogenia

Langehans cell histiocytosis - The immunology system role in its etiopathogeny


PATRÍCIA ÁVILA FERREIRA FABRINI-ARAÚJO1, ANA PAULA DA SILVA PIMENTEL1, JACKSON MACHADO PINTO2, LEONARDO BUENO NEVES3

1Dermatologista membro da SBD.
2Dermatologista membro da SBD. Chefe da Clínica Dermatológica.
3Dermatologista membro da SBD. Asssitente Efetivo da Clínica Dermatológica.

_Trabalho recebido em 22.7.98_. _Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 27.4.99_. Trabalho realizado no Serviço de Dermatologia da Santa Casa de Belo Horizonte.

Correspondência:
Patrícia Ávila Ferreira Fabrini de Araújo Rua Domingos Vieira, 319/709 Belo Horizonte MG 30150-240 Tel: (031) 241-5282 Fax: (031) 201-8770 "e-mail":patriciavila@uol.com.br

 

Resumo

A histiocitose das células de Langerhans é uma condição reativa na qual células com um fenótipo de células de Langerhans acumulam-se em vários tecidos, lesando-os. A doença está relacionada a alterações imunológicas, podendo causar lesões em um ou mais orgãos. O objetivo deste trabalho foi relatar um caso de histiocitose de células de Langerhans numa criança de dois anos de idade que desenvolveu a doença após ter recebido uma dose da vacina tríplice,e discutir os prováveis mecanismos etiopatogênicos.

Palavras-chave: VACÍNA TRÍPLICE, HISTIOCITOSE DE CÉLULAS DE LANGERHANS

© 2018 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações