Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 73 Número 1




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Telangiectasia macularis eruptiva perstans: relato de caso

Telangiectasia macularis eruptiva perstans: a case report


NURIMAR CONCEIÇÃO FERNANDES1, TULLIA CUZZI MAYA2, JAIME AUGUSTO FARFAN MOSQUERA3

1Professora Adjunto. Departamento de Pediatria.
2Professora Adjunto. Departamento de Patologia.
3Aperfeiçoamento em Dermatologia.

_Recebido em 25.6.97._ _Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 17.11.97._ *Trabalho realizado no Setor de Dermatologia Pediátrica do Instituto de Puerícultura e Pediatria Martagão Gesteira do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ.

Correspondência:
Nurimar C. Fernandes Rua Alexandre de Gusmão, 28/201 Rio de Janeiro RJ 20520-120

 

Resumo

Telangiectasia macularis eruptiva perstans é forma rara de mastocitose que ocasionalmente afeta crianças. Múltiplas máculas eritematoacastanhadas e telangiectasias surgem principalmente no tronco. O prurido pode ocorrer sendo brando ou intenso. A maior parte dos pacientes clínicos de telangiectasias macularis eruptiva perstans que melhorou com o uso de cetotifeno.

Palavras-chave: TELAGIECTASIA, MASTOCITOSE, URTICARIA PIGMENTOSA

© 2018 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações