Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

38

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

38

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 63 Número 4




Voltar ao sumário

 

Farmacologia clínica

Estudo multicêntrico com cetoconazol creme a 2% no tratamento de dermatofitoses e pitiríase versicolor

Multicenter study with ketoconazole 2 % cream in the treatment of dermatophytosis and pityriasis versicolor


ITAMAR B. DOS SANTOS1, NEWTON A. GUIMARÃES2, PEDRO BEZERRA DA T. NETO3, UBIRAJARA I. SALGADO4

1Chefe da Clínica Dermatológica do Hospital da Policia Militar de Pernambuco
2Professor Titular de Dermatologia da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia e da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
3Professor Adjunto de Dermatologia
4Professor Titular de Dermatologia da Faculdade Estadual de Medicina do Pará –

 

Resumo

Participaram deste estudo multicêntrico 64 pacientes dos quais 42 eram portadores de dermatofitoses e 22 de pitiríase versicolor. O tratamento foi realizado com cetoconazol creme a 2 %, aplicado uma vez ao dia, durante quatro semanas nos casos de dermatofitoses e durante duas semanas nos casos de pitiríase versicolor. As avaliações clínica e micológica foram realizadas no pré-tratamento, na 2ª e na 4ª semana. Após quatro semanas de tratamento, o exame micológico revelou que 19 dos 22 pacientes (86%) com _T. corporis_, 14 dos 15 pacientes (93%) com _T. cruris_ e três dos quatro pacientes com T. pedis. estavam curados. A avaliação clínica revelou que a diminuição da intensidade das lesões foi estatisticamente significante (p <0,001) já a partir da 2ª semana de tratamento. Quanto aos pacientes com pitiríase versicolor, todos apresentaram-se curados clínica e micologicamente no controle realizado na 4ª semana. Observou-se excelente tolerabilidade ao cetoconazol creme a 2 %, pois apenas um paciente relatou a ocorrência de efeito colateral (dermatite de contato), de intensidade moderada, que desapareceu com a suspensão do tratamento. Concluindo, o cetoconazol creme a 2%, aplicado uma vez ao dia, demonstrou alta eficácia e excelente tolerabilidade no tratamento das dermatofitoses e pitiríase versicolor.

Palavras-chave: CETOCONAZOL, MICOSES SUPERFICIAIS, TRATAMENTO TÓPICO

© 2018 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações