Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 72 Número 3




Voltar ao sumário

 

Investigação

Estudo comparativo entre melagenina e placebo no tratamento do vitiligo


MÔNICA GERPE SOUTO ESSES1, ANA MARIA HERDY MANHÃES1, CARLOS HENRIQUE DE MATOS MILHOMENS1, ISABEL CRISTINA BRASIL SUCCI2

1Pós-Graduando
2Chefe do Serviço

_Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicação em 14.02.97._ *Trabalho realizado no Serviço de Dermatologia e Sifilografia do Hospital Universitário Pedro Hernesto.

Correspondência:
Isabel Cristina Brasil Succi Av. 28 de Setembro, 77 Rio de Janeiro RJ 20551-030

 

Resumo

FUNDAMENTOS – A melagenina tem sido relacionada à melhora do quadro clínico do vitiligo. No entanto, até o presente momento não há estudos científicos satisfatórios que justifiquem esse efeito. OBJETIVOS – Demonstrar os resultados obtidos com a melagenina no tratamento do vitiligo. MÉTODO – Dois grupos de dez pacientes foram observados durante um período seis meses, usando melagenina e placebo, respectivamente. RESULTADOS – Do ponto de vista clínico, tanto do método como do paciente, não foram observadas diferenças nos resultados obtidos nos dois grupos. CONCLUSÃO – Novos estudos devem ser realizados para que se possa afirmar a eficácia da melagenina no tratamento do vitiligo.

Palavras-chave: VITILIGO

© 2018 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações