Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

15

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

15

dias para responder ao Questionário Online

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 65 Número 5




Voltar ao sumário

 

Simpósio Dermatites Vesiculosas e Pustulosas de Mãos

Dermatofítides – Estado atual dos conhecimentos

Dermatofítides – Estado atual dos conhecimentos


CLARISSE ZAITZ1, NELSON GUIMARÃES PROENÇA2

1Professora Assistente
2Professor Titular

Trabalho realizado na Clínica Dermatológica da Santa Casa de São Paulo - Setor de Dermatologia Infecciosa e Tropical.

Correspondência:
Clarisse Zaitz Rua Tabapuã, 1666/102 04533 - São Paulo - SP

 

Resumo

Os autores apresentam um estudo retrospectivo de 58 pacientes com tinea pedis e dermatofítide de mãos. Neste grupo de pacientes, o fungo mais vezes isolado, dos pés, foi Trichophyton mentagrophytes (50 casos, 88.2%). A propósito do tema, fazem uma revisão atualizada da bibliografia médica. Discute-se, em particular, o valor da intra-dermorreação com tricofitina, como um dos critérios adotados para firmar o diagnóstico de mícide. É dada ênfase à necessidade de se obter antígeno purificado, para se poder valorizar a prática do teste.

Palavras-chave: DERMATOFÍTIDES, DERMATOFITOSE, TRICOFITINA

© 2018 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações