Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 80 Número 6




Voltar ao sumário

 

Artigo de revisão

Vitiligo em crianças: uma revisão de classificação, hipótesessobre patogênese e tratamento

Vitiligo in children: a review of classification, hypotheses of pathogenesis and treatment


JANE S. BELLET1, NEIL S. PROSE2

1Resident in Dermatology
2Professor of Medicine (Dermatology) and Pediatrics

Recebido em 29.09.2005. Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 27.10.2005. Trabalho realizado no Department of Medicine, Division of Dermatology, Duke University Medical Center, Durham, North Carolina 27710

Correspondência:
Jane S. Bellet Box 3252 Duke University Medical Center Durham, NC 27710 - USA Telephone: (919) 684-5146 Fax: (919) 681-8073 "E-mail":belle003@mc.duke.edu

 

Resumo

Vitiligo é um achado dermatológico relativamente comum, observado desde a Antiguidade. A doença caracteriza-se por despigmentação da pele, com perda de melanócitos ao exame histológico. Diversos fenótipos clínicos resultam em diferentes graus de morbidade. A causa do vitiligo ainda é desconhecida e a etiologia mais provável parece ser auto-imune. O tratamento é difícil e várias alternativas mostram um potencial terapêutico significativo. Nesta revisão, abordaremos a classificação do vitiligo na infância, as hipóteses sobre a patogênese e o tratamento.

Palavras-chave: EPIDERME/TRANSPLANTE, TERAPIA PUVA, VITILIGO

© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações