Sociedade Brasileira de Dermatolodia

Anais Brasileiros de Dermatologia

GO TO

ISSN-e 1806-4841

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Associado da SBD, caso não possua ou esqueceu sua senha, solicite-nos.

Assinantes dos ABD

Prazo encerrado para respostas!

Acesso Restrito:


Assinantes devem se logar utilizando o e-mail cadastrado como login. Se não possuir, ou não lembrar o seu login e senha, Solicite Aqui!

Associados da SBD

Volume 73 Número 2




Voltar ao sumário

 

Caso Clínico

Hemangiomatose neonatal benigna: relato de caso

Benign neonatal hemangionatosis: a case report


MÁRIO C. FALCÃO1, CHANG Y. CHIA2, JOSÉ LAURO A. RAMOS3, CLÉA R. LEONE4

1Médico Assistente:Doutor em Pediatria.
2Médica Assistente
3Professor Titular; Chefe do Departamento de Pediatria.
4Professora Livre-Docente em Pediatria: Médica Chefe.

_Recebido em 20.3.97._ _Aprovado pelo Conselho Consultivo e aceito para publicãção em 18.12.97._ *Trabalho realizado no Berçário anexo á Maternidade do Instituto da Criança Prof.Pedro de Alcântara do Hospital das Clínicas - FMUSP*

Correspondência:
Mário Cícero Falcão Rua Vieira de Moraes, 45/51 São Paulo SP 04617-010 Tel/Fax: (011) 531-7299

 

Resumo

Os hemangiomas são lesões de pele, relativamente comuns no período neonatal. O acometimento de vários segmentos e orgãos do corpo é chamado de hemangioma difuso ou hemangiomatose, condição bastante rara, que pode ser caracterizada sob duas formas: circunscrita (benigna) e difusa. O objetivo deste relato é a descrição de um caso de hemangiomatose neonatal benigna,de início mais tardio (dois meses de idade) e com proliferação bastante rápida,além de chamar a atenção para a exclusão da forma difusa,por sua alta morbimortalidade. Os autores sugerem um roteiro propedêutico para facilitar a diferenciação precoce das duas formas de hemangiomatoses.

Palavras-chave: HEMANGIOMA, NEONATOLOGIA

© 2018 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações